China apresenta o primeiro carro totalmente movido a energia solar do país

Escrito por Valdemar Medeiros
Publicidade

Nos últimos tempos, muitas pessoas estão apostando nos veículos elétricos como sendo uma forma de ajudar o meio ambiente, além de acreditar que a eletrificação é o futuro da indústria automotiva. No entanto, nos últimos dias uma equipe de especialistas na China surpreendeu ao seguir por outro caminho que também pode estar indo em direção ao segmento de transporte sustentável. A China revelou o ‘Tianjin’, o primeiro carro movido a energia solar do país.

Conheça o Tianjin, o primeiro carro movido a energia solar da China

Essa grande novidade foi anunciada oficialmente durante a 6° edição da World Intelligence Congress, que acontece na China. De acordo com a mídia do país chinês, o projeto do Tianjin foi elaborado em parceira com outras 42 empresas, além do suporte de 3 universidades.

IMPERDÍVEL:
Ambev Tech está com 59 novas vagas de emprego na área de tecnologia para São Paulo e todo o Brasil inclusive Home Office
Publicidade

O carro movido a energia solar foi desenvolvido em apenas 5 meses e conta com uma série de tecnologias de ponta. Possuindo um espaço interno suficiente acomodar até 4 pessoas, incluindo o motorista, o carro Tianjin está devidamente equipado com direção autônoma de ponta.

Leia: Multinacional de tecnologia com foco em sustentabilidade chega à América Latina

De acordo com os desenvolvedores do Tianjin, a área do seu módulo de energia solar também é bem ampla, com cerca de 8,1 metros quadrados.

Ficha Técnica do Tianjin, o carro movido a energia solar

Publicidade

Os desenvolvedores do carro movido a energia solar, durante a 6° edição da World Intelligence Congress, deram mais detalhes sobre as características do Tianjin. Confira a seguir a ficha técnica do primeiro carro da China que é alimentado 100% por energia solar:

IMPERDÍVEL:
TJ PB 02/2022: Tribunal de Justiça da Paraíba em parceria com o CIEE abrem edital para contratação de estagiários

– Dimensões do carro: 4,08 m de comprimento × 1,77 mm de largura × 1,81 mm de altura;

– Distância entre eixos: 2,85 m;

Publicidade

– Peso total do veículo: 1.020 kg;

– Capacidade máxima diária de geração de energia: 7,6 kWh (nos dias de muito sol).

Tianjin chega no mercado automotivo para competir com outros carros movidos através de fontes de energias renováveis

Segundo a equipe idealizadora do Tianjin, o alcance máximo do carro ao longo dos testes realizados foi de 74,8 km e a velocidade máxima é de 79,2 km/h, sendo um pouco decepcionante, tendo em vista que as especificações de outros veículos já no mercado são muito mais atraentes, ao fazer uma comparação.

No entanto, considerando que os resultados dos testes foram alcançados com a utilização da energia solar apenas, é um progresso que pode ser considerado louvável. É muito provável que o Tianjin possa competir com outras grandes marcas do mercado automobilístico, porém o foco principal aqui é provar que os carros também podem ajudar o meio ambiente, ao serem alimentados por fontes de energia limpa e renovável.

IMPERDÍVEL:
Mercado Livre está contratando: São 146 vagas de emprego disponíveis em várias regiões do Brasil com oportunidades para diversas áreas

Na Alemanha, a fabricante Sono Motors também já estava de olho nessa questão, e anunciou recentemente que está bem próxima de adentrar na fase de validação do seu primeiro protótipo de carro movido a energia solar. O protótipo recebeu o nome de Sion EV, que utiliza a energia solar para carregar as baterias.

A previsão, de acordo com a montadora alemã Sono Motors, é que o modelo seja fabricado definitivamente em meados do próximo ano. Sem dúvidas, o ano de 2023 chegará com inúmeras novidades do setor automotivo, principalmente no quesito “carro sustentável”, não somente da China e Alemanha, mas do restante do mundo também.

Publicidade
Artigos relacionados