Pix Garantido: Banco Central deve regulamentar novo Pix parcelado que promete desbancar o Cartão de Crédito

Pix Garantido Banco Central deve regulamentar novo Pix parcelado que promete desbancar o Cartão de Crédito Pix Garantido Banco Central deve regulamentar novo Pix parcelado que promete desbancar o Cartão de Crédito

O pagamento por Pix parcelado ainda não foi oficializado pelo Banco Central, no entanto, clientes de algumas instituições financeiras como o banco Santander, já podem usar essa modalidade para pagar suas contas.

O Banco Central está analisando o modelo de pagamento parcelado através do Pix, e deverá oficializar, o que será conhecido como Pix Garantido. A modalidade deverá ser implementada por todas as instituições financeiras a partir de 2023.

Como irá funcionar o pagamento parcelado através do Pix?

O Pix Garantido do Banco Central deverá funcionar da seguinte forma: No ato da compra, será feita a cobrança de uma parcela de pagamento à vista via Pix. Posteriormente, será planejado as demais parcelas, e os descontos serão aplicados nos dias que foram agendados mensalmente diretamente na conta do cliente.

Quando chegar o dia agendado da parcela, é imprescindível ter o valor que será debitado da conta. Caso não haja dinheiro, o valor da parcela será cobrado da mesma forma, assim, o cliente entra em uma modalidade de cheque especial, ficando em dívida com o banco. A instituição realizará uma verificação específica e procedimentos legais de cobrança além de aplicar os juros cabíveis.

IMPERDÍVEL:  Programa Bolsa Verde do Governo Federal deve pagar R$ 600 para famílias em vulnerabilidade social

As pessoas que não conseguem pagar por um produto ou serviço de uma só vez podem achar o Pix Garantido uma excelente alternativa. O Pix parcelado praticado atualmente pelas instituições citadas anteriormente, possuem uma espécie de limite de crédito, como nos cartões de crédito. É provável que isso também aconteça assim que a modalidade for regulamentada pelo Banco Central em 2023. 

O Pix parcelado ou Pix Garantido do Banco Central vai substituir o Cartão de crédito?

Em comparação com um cartão de crédito, o Pix Garantido aparenta ser a melhor solução. É fundamental lembrar que, em alguns casos, o parcelamento por cartão de crédito não incide juros para o cliente, porém, o comerciante paga taxas e impostos sobre as vendas.

IMPERDÍVEL:  Governo Federal divulga o programa Desenrola, voltado para pequenas empresas, oferecendo microcrédito e medidas de incentivo à aquisição da casa própria

Já no Pix, não acontecerá essas cobranças de taxas por parte do banco, ou elas serão bem menores, já que, como sabemos, o Pix é uma modalidade de pagamento gratuita. Isso implicará em preços menores e descontos nas mercadorias vendidas através do Pix Garantido. Isso, provavelmente, resultará numa diminuição do uso de cartões de crédito por parte dos clientes.

É importante lembrar que, como citamos anteriormente, o recebimento da parcela por parte do comerciante, é garantida pelo Banco Central, mesmo que o cliente não tenha dinheiro na conta, ficando o cliente em débito com a instituição financeira, por isso que haverá um limite de crédito como nos cartões.

Enfim, somente com a implantação e regularização do Pix Garantido pelo BC, será possível uma melhor análise de como será a aceitação, por parte dos clientes e dos comerciantes, da modalidade de pagamento em relação ao cartão de crédito.

Sobre o Autor

Geovane Souza
Geovane Souza

Geovane Souza é jornalista especialista em criação de conteúdo na internet, ações de SEO e marketing digital. Nas horas vagas é Universitário de Sistemas de Informação no IFBA Campus de Vitória da Conquista.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *