Cronograma de Estudos para Concurso: Aprenda a fazer em 3 passos simples!

Escrito por Bruno Teles
Publicidade

Atualmente, separar horários de estudo, conferir todas as matérias do edital, e cumprir com o plano de estudo parece não ser suficiente para ser aprovado em um concurso público. Por isso, separamos-lhe algumas dicas de como montar um cronograma de estudos para concurso público.

Neste sentido, diversas técnicas para ser aprovado em um concurso público têm surgido na internet. Podemos dizer que a internet é uma ótima ferramenta para os concurseiros, pois diversos sites como o Concursos no Brasil nos ajudam a se atualizar sobre os concursos. Mas, será que apenas estudar de forma aleatória é realmente o jeito certo de passar num concurso público?

Cronograma de Estudos para Concurso
Cronograma de Estudos para Concurso (Reprodução: divulgação)

Para isso, independente da técnica que você escolheu para estudar, uma coisa é certa nelas todas: ter um cronograma de estudos para concurso público é fundamental para o aprendizado eficiente e rápido. Por isso, confira abaixo algumas dicas de como montar um cronograma para estudar:

IMPERDÍVEL:
Concurso UFBA 2022: Universidade Federal da Bahia publicou edital para um novo Concurso Público com 36 vagas
Publicidade

Conteúdo

Como Montar um Cronograma de Estudos para Concurso?

Muito além de conferir editais e estudar as provas dos concursos anteriores, ter disciplina e foco é fundamental para a aprovação. Dessa forma, o primeiro passo é montar um cronograma de estudos, que não se limite somente em escolher matérias específicas para estudar. Portanto, confira algumas dicas de como montar um cronograma de estudos para concurso:

2 – Organize a sua rotina

Atualmente, você acredita que usa o seu tempo de forma útil, ou acredita que gasta o seu dia fazendo bobagens? Para começar a montar um cronograma eficiente, é necessário colocar no papel todas as suas atividades diárias, definindo o horário em que são feitas e o tempo que leva cada uma delas.

IMPERDÍVEL:
Novo concurso do IBGE 2022: instituto abre edital com 398 vagas para Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor
Publicidade

Dessa maneira, você pode montar uma planilha contendo suas refeições, deslocamentos, exercícios, trabalhos diários e outras obrigações. Dessa forma, você consegue eliminar alguns hábitos que gastam o seu tempo diário, e direciona esse momento para estudar mais e ficar mais próximo da sua aprovação.

2 – Defina os horários de estudo

Após preencher a planilha e eliminar hábitos desnecessários, identifique quais são os seus horários livres no dia e inclua o estudo de algumas matérias nesses blocos de tempo. Por exemplo, se você tem 20 minutos livres após o almoço, utilize o tempo para estudar alguma matéria que não cobre tanto tempo para sua compreensão.

Inicialmente, pode parecer difícil manter esse ritmo de estudo, mas é possível utilizar algumas técnicas psicológicas para organizar o seu tempo. Dessa maneira, você cria o hábito de estudar diariamente, e fica mais fácil manter o ritmo do cronograma de estudos para concurso público.

3 – Utilize o Ciclo de Estudos

Publicidade

Em geral, é comum que muitas pessoas estabeleçam cronogramas fixos para estudos para concurso. Por exemplo, na segunda-feira você estuda Raciocínio Lógico. Na terça, você estuda Português. Porém, o que acontece se você tiver algum imprevisto e não puder utilizar seu tempo estudando?

IMPERDÍVEL:
Concurso da Prefeitura de Curitiba - PR 2022 tem edital publicado com 905 vagas e salários de até R$ 6,6 mil

A resposta é simples: você perde um dia de aula. Neste sentido, sempre adote uma metodologia de ciclo de estudos, revisando as matérias em diversos dias e horários para um estudo mais flexível. Dessa forma, a melhor dica é escolher 5 matérias para estudo, num período que vai de 10h a 20h semanais.

Por fim, além de movimentar os seus estudos, fica mais fácil para você realizar as revisões necessárias. Logo, ao adotar um cronograma de estudo para concurso público, tenha em mente que as técnicas atuais são fluidas, sem a ideia engessada de definir horários semanais para cada matéria.

Publicidade
Artigos relacionados