Notícias

Atualizado em 09/11/2018 às 16h50

Escolas atendidas pelo Instituto Ayrton Senna apresentam trabalhos realizados em sala de aula


Nove escolas atendidas pelo Instituto Ayrton Senna através do Programa Gestão de Alfabetização da Prefeitura de Santarém, administrado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed) apresentaram na manhã desta sexta-feira (9) na Escola de Artes Emir Hermes Bemerguy os projetos desenvolvidos em sala de aula através do acompanhamento que o município em parceria com o instituto tem realizado durante todo o ano junto aos alunos do 3º ano das escolas municipais.

Instituições escolares das regiões de zona urbana, planalto, quilombolas e indígenas apresentaram experimentos científicos. As experiências são frutos de temáticas abordadas dentro das formações com pedagogos do município e técnicos da Semed, ofertadas em parceria com o Instituto Ayrton Senna que em conjunto com a Secretaria Municipal de Educação vem trazendo grandes avanços nas escolas de Santarém.

"Uma inovação da prática pedagógica na sala de aula, onde as aulas se tornam mais dinâmicas e mais atraentes e eles passam a ser os próprios protagonistas na construção dos seus saberes. A parceria do Instituto Ayrton Senna representa tudo hoje em dia, porque a Semed recebe as formações referente a todos os programas que o instituto tem em parceria com a secretaria de educação. Esse conhecimento é multiplicado, e o resultado de tudo isso são mostras como essa que estamos vendo hoje aqui na escola de artes. Tornar o ensino e a aprendizagem de qualidade em Santarém é o nosso objetivo", declarou a secretária de Educação Mara Belo.

Para a agente técnica do Instituto Ayrton Senna Sandra Pignaton a parceria com o município que já tem mais de 20 anos, só vem melhorando. Desde o ano passado o foco vem sendo na alfabetização, e a meta foi alcançada, todas as crianças até o 3 ano das escolas municipais estão lendo e desenvolvendo projetos. Resultado mais que positivo para avançarem nas próximas séries da vida estudantil.

Agente técnica do Instituto Ayrton Senna Sandra Pignaton "Desde 2017 nós estamos subsidiando o município com duas novas frentes de ações, uma delas é a fórmula da Vitória que trabalha com crianças que tem dificuldade em matemática e português e também com os profissionais que atuam na alfabetização de modo mais específico. Essa metodologia é uma solução para garantir que o aluno do terceiro ano saia realmente alfabetizado", afirmou Sandra Pignaton.

Sandra ainda complementou. "Nós alcançamos a meta aqui em Santarém. E essa fala não é minha, ela é de cada pedagogo que participa de nossas formações. Eles chegam até nós e falam: eu alcancei a minha meta, eu hoje sei qual a fórmula para fazer o meu aluno aprender a ler. Essa fala é muito comum, por que algumas vezes os nossos professores e pedagogos focam muito na metodologia e esquecem o que realmente é necessário", finalizou a técnica do Instituto Ayrton Senna.

A fala de Sandra é confirmada pela pedagoga da escola Nossa Senhora do Perpétuo Socorro da comunidade Cucurunã, Maira Regiane. "O resultado foi bem positivo, no início do ano nós estávamos com alunos que estavam no nível um e hoje estão no nível três. É visível o resultado por que são alunos que não tinham aquela participação em sala de aula e hoje em dia são bem participativos, conseguem realizar as atividades junto com os demais alunos, todas no mesmo nível. Quanto ao programa nós só temos que agradecer, por que é um alicerce e nós podemos dar o retorno ao nosso professor, e acompanhar ele nas aulas".

Entenda o que foi feito nesses dois anos em parceria com o Instituto Ayrton Senna, em escolas de Santarém
O Instituto Ayrton Senna é uma organização sem fins lucrativos, que nasceu em novembro de 1994, para que crianças e jovens tenham oportunidade de desenvolver seus potenciais por meio da Educação de qualidade, em todo o Brasil. Em Santarém o projeto atua há mais de 20 anos, porém, desde 2017 o atendimento do instituto focou em garantir o aprendizado real das crianças em sala de aula, principalmente nas disciplinas de língua portuguesa e matemática.

Em 2018, o Instituto em parceria com a Solução educacional da Secretaria Municipal de Educação (Semed) priorizou a alfabetização buscando, colocar em pratica as estratégias da Gestão de Política de Alfabetização, como: Professor de apoio nas turmas dos anos iniciais, trabalhar temáticas como letramento cientifico, linguagem corporal, matemática e alfabetização inicial, junto a isso, focou também nas competências socioemocionais, que é a educação integral já trazida pela reformulação da BNCC (Base Nacional Comum Curricular).

Keliane Tomé Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação