Notícias

Atualizado em 21/09/2018 às 20h23

Escola do Parque completa oito anos e celebra o Dia Mundial da Árvore


A programação em comemoração ao oitavo aniversário da Escola do Parque da cidade foi realizada nesta sexta-feira (21). Diversas atividades ambientais e educativas foram executadas para integrar o aniversário da escola as comemorações do Dia Mundial da Árvore.

O evento contou com a participação de diversas autoridades parceiras da Escola do Parque e com apresentações culturais. Os alunos do 5º ano, da Escola Municipal Irmã Leodgard, liderados pela professora Clarice Rebelo homenagearam a Escola do Parque com uma paródia da música "Feira Santarena", de Wilson Fonseca. Houve show de acrobacia, com a participação da aluna Cristielem da escola São Jorge, do Planalto.

Ao final da programação de 21 mudas de Pau Brasil foram entregues as escolas municipais que foram pré-selecionadas: Frei Rainério, São Jorge (Planalto), Rosilda Wanghon (Perema), Pérola do Maicá, Santo André, Alberico Mendes Nóvoa, Maestro Wilson Fonseca, Professora Ercila Nobre dos Santos, Professora Hilda Mota, Frei Miguel Kelet, Igarapé-Açu, César Simões Ramalheiros, Tereza Neuma (Tabocal), Professora Sofia Imbiriba, João Bianor, Professor Aldo Ferreira Campos, Dom Floriano, João XXIII (Cipoal), Frei Juvenal, Professora Deuzuita Freire de Matos e Irmã Leodgard.

A secretária de Educação de Santarém Mara Belo esteve presente na solenidade e destacou a importância do trabalho dedicado da coordenadora da instituição, professora Raimunda Ferreira e sua equipe, que não tem medido esforços para implementar os projetos de distribuição de mudas e de incentivo as iniciativas de arborização da cidade, fazendo uma necessária ligação com as escolas das redes municipal, estadual e particular.

Belo também reconheceu a importância das instituições e de outras secretarias que firmam parceria com a Escola do Parque e com a Secretaria de Educação e com isso as atividades, em especial na área ambiental, podem ser realizadas com menos custos, mais eficiência e de maneira colaborativa.

A professora Raimunda Ferreira avaliou que a programação foi positiva em virtude da resposta que obteve com a presença das pessoas e das instituições convidadas para participar das comemorações do oitavo aniversário da Escola do Parque. Segundo ela, a principal parceria é estabelecida com as escolas de Santarém, pois entende que nesses locais são preparados os cidadãos responsáveis e conscientes sobre as causas ambientais. "Enquanto coordenadora da Escola do Parque eu fico feliz em saber que as pessoas consideram que se trata de um trabalho de parceria, que a cada dia está se ampliando mais", comemorou.

Ferreira disse ainda que para o Dia Mundial da Árvore fica a seguinte mensagem: "Que se plante uma árvore. A árvore para nós significa qualidade de vida. A árvore é tudo. Plante uma árvore e cuide dela", recomendou.

A diretora da Fasepa, em Santarém, Roseane Figueira destacou que a participação da instituição foi gratificante, em especial, pela presença dos educandos. Segundo ela, na Fasepa há um projeto de ressignificar caminhos e um dos eixos é trabalhar a educação ambiental. "Essa parceria que temos com a Escola do Parque é fundamental para se construir em conjunto uma consciência cidadã. É isso que se busca ao se ressigficar caminhos, fazendo com que os meninos entendam e busquem o que há de melhor para eles próprios".

Figueira disse que após o cumprimento da medida sócio-educativa, os educandos vão retornar à sociedade e precisam levar consigo outros valores que os ajudem a estabelecer novas relações e interações sociais. Com isso, vão ter os lamentos necessários para redirecionar suas vidas. "Evento como este realizado pela Escola do Parque são muito importantes nesse processo de reconstrução e de ressignificação dos valores com os quais eles foram recebidos nesta manhã pelas pessoas que se fizeram presentes na programação do Dia da árvore e de aniversário da Escola do Parque", concluiu.

Trajetória da Escola do Parque – A criação da Escola do Parque foi uma iniciativa da Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), visando atender as escolas da rede municipal e demais instituições interessadas em atividades de Educação Ambiental. A Escola do Parque foi inaugurada no dia 07 de junto de 2010 e o seu primeiro atendimento a alunos se deu em 17 de setembro do mesmo ano.

A coordenação de Educação Ambiental e da Escola do Parque, a partir dessa data vem desenvolvendo ao longo de oito anos conhecimento, por meio de ações, amparados pela Lei 9.795/99, para que as escolas se sintam parte deste processo.

Durante os dois anos de gestão da professora Raimunda da Silva Ferreira foram realizadas formações para gestores, pedagogos, professores e serventes, atendimento na Escola do Parque e nas escolas municipais da zona urbana, rios e planalto, escolas estaduais e particulares, totalizando 11.061 pessoas atendidas com ações em Educação Ambiental. Além disso, foram distribuídas plantas frutíferas e florestais, ornamentais e medicinais, totalizando 20.468 mudas de plantas e foram arrecadadas 28.725 embalagens de produtos alimentícios, para a produção de mudas de plantas.

Um dos compromissos da Escola do Parque é divulgar, fazer valer e contribuir com o cumprimento da Lei 9.795/99 pelas instituições educacionais, para que utilizem no cotidiano das escolas temas sobre Educação Ambiental. Entende-se que os educadores têm uma grande responsabilidade no processo de formação cidadã de seus alunos, por isso, é importante que tenham conhecimento acerca do que acontece e o que podem fazer para preservar o meio ambiente, assim como disseminar tal conhecimento à sociedade.

Ednaldo Rodrigues Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação