Notícias

Atualizado em 27/04/2018 às 11h42

Produtores do Curuai recebem capacitação sobre atividades agrícolas


Capacitar o produtor/trabalhador rural com técnicas adequadas para o manejo da olericultura orgânica. Esse é o foco do curso que está sendo realizado na comunidade de Lago Grande do Curuai, promovido pela Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Semap) em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

A atividade que está sendo desenvolvida no centro de formação da Casa Familiar Rural teve início na quarta-feira (25), e conta com a participação de 20 pessoas residentes da própria comunidade e outras do entorno.

A partir da capacitação, a expectativa é que se consolide um polo produtor de alface (olerícola) na região do Lago Grande, segundo informou o titular da Semap, Bruno Costa que participou do treinamento ontem (26). "Essa capacitação visa fomentar as atividades agrícolas. Nosso objetivo é consolidar um polo de produção. Ações desse tipo vêm de encontro aos trabalhos que estamos desenvolvendo através da prefeitura, como o de promover cada vez mais cursos para os agricultores com o intuito de capacitá-los. vale ressaltar que a parceria com o Senar, Emater e Adepará tem sido fundamental para o fomento dessa parte de assistência técnica. Paralelamente temos visitado as comunidades para ouvir as demandas e acompanhar também o desenvolvimento dos projetos da Prefeitura através da Semap".Mecanização
A Prefeitura através do Núcleo de Incentivo a Produção Familiar (Niprof) da Semap vem desenvolvendo o Programa de Modernização da Agricultura Familiar. A iniciativa é focada no fortalecimento da agricultura familiar e inclusão do pequeno produtor nos programas do Governo Federal como PNAE e PAA.

Desde a semana passada técnicos da secretaria estão na região do Lago Grande realizando a mecanização de áreas, em propriedades de pequenos agricultores familiares. A comunidade Picãe foi a primeira atendida e o cronograma prevê ações ainda nas localidades de Arapixuna, Dourado, Aninduba, Carariacá, Curuai. Mais de 50 familias serão atendidas tendo seus hectares preparados para o cultivo de mandioca, milho e feijão.


Saiba Mais:

Danielle Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação