Notícias

Atualizado em 05/11/2018 às 11h51

Associação "Vaga Lume" monta biblioteca e distribui livros em comunidades de Santarém


Uma segunda-feira que iniciou diferente e de forma muito positiva para a educação do município. A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) recebeu na manhã desta segunda-feira (5), na escola de Artes Emir Bemerguy uma equipe do projeto Vaga Lume. Na ocasião foram entregues mais de 500 exemplares dos livros que serão levados para 6 comunidades das regiões de rio e planalto. O encontro também teve a participação da equipe de Arte Itinerante, com a entrega dos acervos e mediação de Leitura com a participação dos alunos da Creche Paulo Freire.

A maior novidade dessa vez é a implantação de uma biblioteca na comunidade Atodi, que fica na região do Rio Arapiuns. "Todo ano nós enviamos um acervo de pelo menos 80 a 100 livros para que as bibliotecas sejam montadas nestas comunidades. Essa entrega que iremos realizar amanhã na comunidade Atodi, é um pedido da própria comunidade. Nós realizamos a entrega do acervo, fazemos a formação com os moradores e professores da escola da comunidade, para que a partir do momento em que o espaço é montado a comunidade possa ter gestão sobre o espaço. Cuidando e preservando para que possa ser utilizado por todos", explicou a educadora da Associação Vaga Lume, Lohane Gomes.

Para a pedagoga da escola Nossa Senhora das Graças da comunidade Atodi, Maria de Nazaré Lima, a implantação de uma biblioteca na região é um grande passo para o incentivo das nossas crianças. Um grande presente para a escola e para a comunidade. "É um projeto muito importante e de grande relevância para dentro de nossa comunidade e nossa escola. É novidade para nossos alunos como também um incentivo a mais. É um grande presente pra nossa comunidade, está chegando em bom momento lá na nossa região", afirmou.

Além da biblioteca que será implantada na comunidade Atodi, o projeto estará entregado livros nas comunidades Urucureá (Rio Arapiuns), Maripá (Rio Tapajós) e também em comunidades do planalto, como Murumuru (Santarém-Curuá-Una), São Francisco e São Brás (Eixo Forte).

"Essa parceria da Secretaria de Educação com a associação Vaga Lume iniciou em 2017, e nós temos mantido. Através da implantação das bibliotecas, a associação vagalume que é uma associação sem fins lucrativos, juntamente com a administração municipal através da secretaria de Educação, promove práticas de leitura, escrita, oralidade, valorização cultural nas comunidades, bem como intercâmbio cultural dos alunos, que é um trabalho extremamente importante para assistir às comunidades na região de planalto e rios", explicou a secretária municipal de Educação, Mara Belo.

Sobre o projeto
A Associação Vaga Lume é uma organização sem fins lucrativos que tem como missão criar oportunidades de intercâmbio cultural por meio de leitura, da escrita e da oralidade, que valorizam o protagonismo de pessoas e comunidades rurais da Amazônia.

Keliane Tomé Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação