Notícias

Atualizado em 03/04/2018 às 18h00

Projeto "Aepeti na Escola" chega à 2ª edição e atende alunos da Aderbal Tapajós


Estudantes do 5º ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental, Aderbal Tapajós Caetano Corrêa, receberam na manhã desta terça-feira (03), a equipe das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Aepeti), equipamento da Prefeitura de Santarém ligado à Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras).

O projeto "Aepeti na Escola" objetiva levar mensagens do Enfrentamento ao Trabalho Infantil no município. O momento serviu para que os alunos pudessem tirar dúvidas, através de atividades lúdicas, sobre o que é considerado Trabalho Infantil e como denunciar.

As crianças receberam revistas educativas fruto de uma parceria com o Ministério Público do Trabalho (MPT). As revistas trazem uma dinâmica com ilustrações e uma linguagem adequada para a compreensão. Com o material, a equipe proporcionou mais conhecimentos sobre o Estatuto da Criança e Adolescente (Eca), e as crianças puderam saber mais sobre seus direitos e obrigações.

A diretora da Escola, Socorro Penha, contou que essa parceria com a Semtras por meio do Aepeti é muito enriquecedora. Ela garantiu que o projeto será colocado em prática pela escola para os demais alunos. "O trabalho infantil preocupa muito, infelizmente existe um reflexo negativo no aprendizado das crianças que são obrigadas a trabalhar quando devem estar na escola e no tempo vago brincando. É importante que essa mensagem seja levada mesmo adiante para que mais pessoas possam compreender e ajudar a combater".

"Essas ações buscam alcançar não só os alunos, como também os pais e a comunidade escolar no enfrentamento ao trabalho infantil. Hoje fomos muito bem recebidos nessa nossa primeira ação de 2018 e percebemos que a maioria das crianças sabe o que é realmente considerado exploração de trabalho e que elas devem estudar e brincar, trabalhar só quando crescer. Também demonstraram interesse em contar para seus familiares e amigos sobre a experiência do dia", explicou a coordenadora do Aepeti, Carise Pedroso.

Na primeira edição, sete escolas receberam o projeto piloto que foi muito bem aceito. Nesta segunda edição, 13 escolas receberão o projeto "Aepeti na Escola".

A Escola Aderbal Tapajós receberá um terceiro momento da equipe que compreenderá em uma palestra com os pais dos alunos, no dia 20 de abril, às 9h.

Na próxima segunda-feira (9), a Escola Munic. de Ens. Infantil e Fund. Padre Manuel Albuquerque, localizada na Avenida Dom Frederico Costa, bairro Prainha,receberá o projeto às 8h e ás 14h.

Sobre
Com redesenho do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), se materializou por meio das ações estratégicas que consistem em ações voltadas à aceleração do enfrentamento ao trabalho infantil, o atual Aepeti - Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil. Vinculado a Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras), a equipe desenvolve o papel de gestão e articulação de ações do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) com as demais políticas públicas.

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação