Notícias

Atualizado em 30/08/2019 às 22h23

Pasta do Meio Ambiente orienta comunidades a combaterem as queimadas

"Palestra sobre os males causados por queima foi realizada no Centro Referência e Assistência Social Bairro São José Operário"


 

Palestra abordou os males ques as queimadas podem causar.O Governo Municipal lançou a "Campanha de Combate às Queimadas". Agora, diversas intervenções estão sendo pensadas a fim de sensibilizar a população a respeito dos males que o problema pode causar. E a comunidade como pode ajudar?

Moradores de 5 bairros participaram da ação. Para orientar sobre a questão a Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) e o Centro Municipal de Educação Ambiental (Ciam), realizou na tarde desta sexta-feira (30) uma palestra aos usuários atendidos pelo Centro de Referência em Assistência Social (Cras) São José Operário.

O Centro contempla 5 bairros, sendo Interventoria, Livramento, Diamantino, Área Verde e São José Operário, com uma média de 1.200 atendimentos mensais. Ao longo de cada mês, a equipe de profissionais trabalha a discussão de temas atuais com as famílias.

Tendo em vista a constante veiculação de matérias sobre as queimadas, em agosto foram abordados assuntos relacionados ao meio ambiente.Participantes receberam material informativo.

"Essa reunião ocorre ao menos uma vez por mês. São famílias acompanhadas pelos Cras que são convidadas a também trabalhar oficinas como a de reciclagem que desenvolvemos com jovens e idosos. Eles criaram vasos com plantas medicinais e artesanato com material reaproveitado", relatou a psicóloga Yasnaia Burlamaqui.

Estela Santos, 15 anos de idade, é uma das atendidas pelo Cras. Ela apresentou os trabalhos desenvolvidos durante as oficinas e entendeu que prejudicar o meio ambiente é comprometer a qualidade de vida. "Durante os encontros, discutimos que tem muita gente desmatando, queimando. Isso nos preocupa porque pode afetar a saúde de todos."

Leia também:

Ao longo da palestra, foi abordada a legislação para esse tipo de crime ambiental, a destinação correta do lixo e os efeitos que a fumaça proveniente da queima de resíduos podem causar à saúde humana.Adolescentes também participaram das intervenções. 

"A fumaça de qualquer substância vai circular não somente naquele ambiente, mas se propagar a longas distâncias intoxicando toda uma população. Os idosos e crianças são os mais afetados por terem um organismo menos resistente. Toda a comunidade pode combater esse mal", ressaltou o gestor ambiental Wesley Moreira que também foi um dos palestrantes.

Intervenções como a promovida no Cras São José Operário podem ser solicitadas junto ao Ciam. Funciona de segunda à sexta, das 8h às 14h, na Rua Adriano Pimentel, 296, Centro.O Cras São José Operário realizado uma média de 1 mil e 200 atendimentos mensais.


 

Acompanhe as ações da Prefeitura de Santarém nas redes sociais:
Facebook: https://pt-br.facebook.com/prefeituradesantarem/
Instagram: @prefeituradesantarem
Youtube: Canal da Prefeitura de Santarém

Júlio César Antunes Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação