Notícias

Atualizado em 29/08/2019 às 16h36

Juntos, Programas Acessuas Trabalho e Criança Feliz já transformaram a vida de mais de mil famílias

Em 10 meses, Acessuas Trabalho já capacitou 300 usuários da Assistência Social. Já o Programa Criança Feliz, em pouco mais de um ano, já acompanhou 800 famílias da 4 Cras. O Acessuas Trabalho e Criança Feliz são programas implantados no município de Santarém em junho e outubro de 2018, respectivamente. Os resultados obtidos desde a atuação das políticas de Assistência Social com famílias em situação de vulnerabilidade foram divulgados na manhã desta quinta-feira (29) durante o lançamento oficial dos programas no auditório do Ciam.

De acordo com as estatísticas explanadas, em 10 meses, o Acessuas Trabalho já capacitou por meio de oficinas e cursos, 300 usuários dos serviços da Assistência Social de Santarém e objetiva até 2021 capacitar mil pessoas. Já o Programa Criança Feliz, em pouco mais de um ano, já acompanhou 800 famílias distribuídas em 4 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) Santarenzinho, Nova República, São José Operário e Urumari. Uma média de 200 famílias em cada centro.

O Prefeito Nélio Aguiar participou da solenidade e acompanhou os depoimentos de pessoas que foram beneficiadas pelos programas e também por pessoas envolvidas no processo como os visitadores do Criança Feliz. Ele reconheceu que a Secretaria de Assistência Social já desenvolve um excelente trabalho com vários programas existentes: "Estamos avançando com mais esses dois novos programas que exigem maior responsabilidade da equipe que é muito aguerrida e capacitada. O importante é que quem mais ganha é a população com o acompanhamento do Criança Feliz e também do Acessuas Trabalho contribuindo para que estejam preparados desde a gravidez com os cuidados e evolução dos filhos e também a preparação para o mercado de trabalho", destacou.Secretária da Assistência Social Celsa Brito. 

"São resultados que nos dão a sensação de que estamos no caminho certo, que objetiva alcançar cada vez mais atender pessoas em situação de vulnerabilidade social. Não podemos deixar de agradecer os importantes parceiros como o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), o Ministério Público do Trabalho (MPT), o Senac, o Senai, o Sebrae, a Profissionaliza, os nossos colaboradores e estagiários que assumem diariamente conosco o desafio de fazer o melhor em prol de pessoas que necessitam muito", pontuou a Secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito.

Leia também:

Izabele da Silva, usuária do Cras São José Operário recebeu o certificado representando os demais capacitados. "Entregamos simbolicamente o certificado para umas das 300 pessoas que foram capacitadas por meio do Acessuas Trabalho, a usuária Izabele da Silva Nina do Cras São José Operário que realizou o curso de culinária básica e hoje trabalha no ramo alimentício, caminhando para consolidar o sonho de montar seu próprio negócio", comemorou a coordenadora dos Programas Acessuas Trabalho e Criança Feliz Louise Aguiar.

O adolescente de 16 anos, participante do Programa Acessuas Trabalho, Esaú Júlio de Souza Gadelha contou que o programa realizou em sua vida algo que ele nem sonhava alcançar. "Sou usuário da Assistência Social desde o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), passei para o Cras Urumari que me encaminhou para o Acessuas Trabalho, participei de oficinas e hoje sou um jovem Aprendiz da Agência da Caixa Econômica Federal e estou muito feliz. Sonho em continuar e ser um dia um administrador do banco."

Ruth Fernandes comentou sobre o apoio que recebeu dos programas. Outro depoimento importante foi o de Ruth Fernandes de Oliveira Cardoso, mãe do Braian Fernandes Cardoso, que foi acompanhada pelo programa desde a gravidez e que fez questão de levar o filho recém-nascido. "Quanto apoio recebi do visitador do programa. Eu ficava sozinha em casa, apesar de eu já ter uma criança cada gravidez é diferente. Recebi muito apoio e continuo agora com meu filho. Sou muito grata a todos por esse programa."

Com o lançamento oficial os visitadores também ganharam coletes com identificação. O visitador Paulo Henrique Santana Correa, um dos primeiros acadêmicos a participar do programa, contou que o importante foi receber uma capacitação para iniciar as visitas. "Muito aprendizado com as famílias que acompanhamos, elas nos recebem tão bem, formamos laços e acabamos trocando experiências, acompanhar a evolução é gratificante."Prefeito Nélio Aguiar e secretária Celsa Brito junto com os visitadores que receberam os coletes, seus novos materiais de trabalho. À direita o visitador Paulo Henrique Santana Correa. 

Participaram do evento a secretária Municipal de Educação Mara Belo; a representante do Comitê Intersetorial do Programa Criança Feliz, Tenente da Polícia Militar Leda Marques Borges; a Procuradora do Ministério Público Do Trabalho (MPT), Tatiana Costa de Figueiredo Amormino; representando a Câmara Municipal de Santarém o vereador Ronan Liberal Júnior; a vereadora Maria José Maia; a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente Roselene Andrade; a coordenadora da Proteção Social Básica Adriany Oliveira; visitadores e servidores da Secretaria de Assistência Social.Visitadores e autoridades presentes no evento. 

Entenda a atuação dos Programas

O Programa Acessuas Trabalho visa buscar a autonomia das famílias usuárias da Política de Assistência Social, por meio da sua integração ao mundo do trabalho, através de articulação, identificação, sensibilização e o desenvolvimento de habilidades e orientações para o mundo do trabalho. O Programa se desenvolve em conjunto com a Proteção Social Básica e a Proteção Social Especial que encaminha os usuários dos serviços socioassistenciais que manifestem interesse em serem inseridos no mercado de trabalho para o Programa Acessuas.

O Programa Criança Feliz é coordenado pela Semtras que articula as ações das políticas de Assistência Social, Saúde, Educação, Cultura e Direitos Humanos. Com a implementação de ações no campo das políticas públicas, o Programa apoia às famílias para o exercício das funções de proteção, cuidado e educação das crianças.

A equipe do Programa Criança Feliz é composta por supervisores e visitadores que realizam as visitas domiciliares domiciliares aplicando o método CDC (Cuidados com o Desenvolvimento da Criança) do UNICEF, confecionam os brinquedos (que estão expostos na mesa ao fundo) que são utilizados semanalmente no acompanhamento dos usuários do Programa Criança Feliz.


 

Acompanhe as ações da Prefeitura de Santarém nas redes sociais:
Facebook: https://pt-br.facebook.com/prefeituradesantarem/
Instagram: @prefeituradesantarem
Youtube: Canal da Prefeitura de Santarém

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação