Notícias

Atualizado em 28/08/2019 às 16h39

Campanha quer sensibilizar população sobre males causados pelas queimadas

"A mobilização será permanente uma vez que as intervenções serão levadas pela Semma e demais órgãos parceiros a outras intervenções e áreas do município"


Com o tema "Acender é fácil. Difícil é apagar", a Prefeitura de Santarém, por meio das Secretarias Municipais de Meio Ambiente (Semma), Infraestrutura (Seminfra), Educação (Semed), Trabalho e Assistência Social (Semtras) e Saúde (Semsa), realizou na manhã desta quarta-feira (28) o Dia "D" e lançamento da Campanha de Combate às Queimadas. A programação foi no Ginásio da Cidadania, bairro Mapiri.

São parceiros da ação o Núcleo de Esporte e Lazer (NEL); Defesa Civil; Coordenação de Educação Infantil da Semed; 1º Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipam); 4º Grupamento de Bombeiros Militar do Estado do Pará (4º GBM); Núcleo Integrado de Operações (Niop); Grupo de Artesãs em Prol do Meio Ambiente do Bairro Mapirí; Igreja do Menino Jesus do Mapirí; Escola Municipal Maria Amália Queiroz de Sousa; Escola Municipal Prof. Sofia Imbiriba; assim como as associações de moradores dos bairros Mapirí; Salé; Maracanã I e II; Santarenzinho e Santo André.

A coordenadora da Unidade Municipal de Educação Infantil do Bairro Prainha (Umei Prainha) Maila Aguiar trabalha com projetos pedagógicos junto aos alunos e pais sobre os cuidados que se deve ter para evitar o problema.

Segundo ela, na Unidade o trabalho de sensibilização acontece com palestras e atividades lúdicas. "Tudo para sensibilizar as crianças e responsáveis. É através desse processo de sensibilização, de uma forma bem lúdica. A educação é isso, é movimento, é cor. Então, quando trabalhamos na escola, os estudantes saem como uma semente com a ideia de serem disseminadores dessas informações em casa."

Leia também:

"A campanha pretende sensibilizar a população quanto aos males causados pelas queimadas nesse período de intenso verão amazônico, principalmente quanto aos males causados à saúde", destacou a secretária de Meio Ambiente Vânia Portela.

Durante a programação foram apresentadas manifestações culturais em defesa do meio ambiente e contra qualquer tipo de queima.

O prefeito de Santarém Nélio Aguiar ressaltou a necessidade de rever costumes como colocar fogo em lixo no quintal de casa, hábitos que devem ser trabalhados desde o ensino base. "É muito importante através do educador, desse primeiro contato, ter essa missão de ensinar os cuidados com o meio ambiente e a destinação correta do lixo".

A mobilização será permanente uma vez que as intervenções serão levadas pela Semma e demais órgãos parceiros a outras intervenções e áreas do município.

A inciativa contará com a publicação de peças de divulgação em TV, rádio, redes sociais e impressos abordando os problemas que as queimadas podem causar.

Confira dados da Semma que mostram os registros ligados às queimadas no município:

Relatório de casos de poluição atmosférica por bairro
Janeiro a 27 agosto de 2019

Bairro                            nº de denúncias
Diamantino ------------------------ 11
Nova República ------------------ 10
Caranazal -------------------------- 09
Santana ---------------------------- 08
São José Operário -------------- 08
Vigia --------------------------------- 07
Alvorada ---------------------------- 06
Aeroporto Velho ------------------ 06
Aparecida -------------------------- 06
Ipanema ---------------------------- 06
São Francisco --------------------- 06
Área Verde ------------------------- 05
Residencial Salvação ----------- 05
Jardim Santarém ----------------- 04
Mapiri ------------------------------- 04
Livramento ------------------------- 04
Fátima ------------------------------ 04
Santo André ----------------------- 04
Uruará ------------------------------ 03
Esperança ------------------------- 03
Prainha ----------------------------- 03
Matinha ----------------------------- 03
Aldeia ------------------------------- 03
Maracanã -------------------------- 03
Santíssimo ------------------------- 03
Interventoria ----------------------- 03
Urumari ----------------------------- 02

Total ------------------------------ 139


 

Relatório de casos de poluição atmosférica mensal
Janeiro a 27 de agosto de 2019

Mês               nº de denúncias
Janeiro -------------- 22
Fevereiro ----------- 05
Março --------------- 04
Abril ------------------ 06
Maio ----------------- 12
Junho --------------- 28
Julho ---------------- 39
Agosto -------------- 23

Total -------------- 139

Queimada é crime. Conforme a Lei Federal de Crimes Ambientais nº 9.605/1998, o criminoso está sujeito à prisão de 1 a 4 anos, além de multa que varia de R$ 5 Mil a R$ 50 Milhões de Reais.


Acompanhe as ações da Prefeitura de Santarém nas redes sociais:
Facebook: https://pt-br.facebook.com/prefeituradesantarem/
Instagram: @prefeituradesantarem
Youtube: Canal da Prefeitura de Santarém

Júlio César Antunes Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação