Notícias

Atualizado em 23/08/2019 às 16h28

Estudantes da Escola Maria Amália visitam Sala do Empreendedor em Santarém

Aproximadamente 50 estudantes, das turmas de 8º e 9º anos da Escola Municipal Maria Amália Queiroz de Souza visitaram na manhã desta sexta-feira (23), a Sala do Empreendedor de Santarém, onde puderam conhecer como funciona, na prática, os serviços ofertados aos microempreendedores do município.

As turmas foram recebidas pela equipe técnica, que conversaram com os estudantes e esclareceram dúvidas sobre assuntos relacionados a empreendedorismo, emissão de alvarás; formalização de Microempreendedor Individual (MEI); dentre outros.

A visitação em espaços públicos é estimulada pelo Grupo Municipal de educação Fiscal (GMEF), para que os as escolas participantes do Prêmio Nacional e Municipal de Educação Fiscal produzam ações e cumpram os critérios estabelecidos pela comissão julgadora do evento.

Para a professora Márcia Cristina Ximenes, a vivência dos alunos com o projeto empreendedor é enriquecedora. "Aproximar os alunos da vivência real e mostrar qual o percurso que esse empreendedor passa para legalizar os seus negócios é incrível, pois de alguma forma vai despertar nos alunos o espírito empreendedor, além de incentivá-los pensar em oportunidades e inovação. De tudo que a gente já viu em sala de aula e estar conhecendo in loco como se dá todo o processo é gratificante, porque eles vão construir uma trilha de aprendizagem que vai impulsionar muito o conhecimento. E o mais importante de tudo isso é a temática que estamos trabalhando sobre educação fiscal e o desenvolvimento de competências empreendedoras, concorrendo ao Prêmio Municipal e Nacional de Educação Fiscal, o que dará aos alunos mais conhecimento", explicou.

Para a estudante, Viviane Pinto de Azevedo, 13 anos, essa aprendizagem ultrapassará o espaço escolar. "Eu acho muito importante falar de empreendedorismo e educação fiscal, uma forma de conscientizar as pessoas que elas devem pagar os tributos dela, porque na verdade educação fiscal é isso. Tem pessoas que querem melhorias na segurança, saúde e educação, mas não querem pagar seus impostos. E o mais importante é entender que esse recurso é destinado para melhorar nossa cidade. Todo aprendizado é válido e estou muito feliz por participar desse momento", destacou.

Sobre a Sala do Empreendedor – A Sala do Empreendedor funciona nas dependências da Central de Atendimento ao Contribuinte (CAC), localizada na Avenida Sérgio Henn. Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h. Contato: (93) 3529-2923.

A Sala do Empreendedor tem como objetivo incentivar a legalização de negócios informais que se enquadrem nos requisitos estabelecidos pela Lei Geral da Micro e Pequena Empresa nº 123 de 14 de dezembro de 2006.

Em Santarém, a Sala do Empreendedor  é resultado de um Termo de Cooperação Técnica, nº 001/2017, entre Prefeitura e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Estiveram presentes o coordenador da Central de Atendimento ao Contribuinte (CAC), Vilberto Sá, o chefe da Divisão de Cadastro Imobiliário (DCI), Amauri Aguiar, o Analista Técnico do Sebrae José Luis; o vice-presidente da Associação dos Contadores do oeste do Pará Mikhail Carvalho; representantes do Grupo Municipal de Educação Fiscal de Santarém (Gmef) Carla Nascimento e Sara Silva, além de servidores.

Gleicy Lira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação