Notícias

Atualizado em 22/06/2019 às 15h40

Festa e presente para Santarém na entrega da Medalha Padre Felipe Bettendorf

Medalha é a maior comenda do município. No total, seis personalidades foram homenageadas.Santarém comemora hoje, 22 de junho, 358 anos de histórias protagonizadas por pessoas que nesta terra concretizaram sonhos, constituíram família e contribuíram com o desenvolvimento da cidade que um dia foi a 'Aldeia dos Tapajós'. Representando os pouco mais de 300 mil santarenos de sangue ou de coração, a Prefeitura de Santarém homenageou na noite desta sexta-feira (22), em solenidade realizada em frente ao Centro Cultural João Fona, seis personalidades com a entrega da mais alta honraria do município, a medalha Padre João Felipe Bettendorf – fundador da cidade. Na opotunidade, a cidade ganhou um presente: assinatura de um convênio com o Governo do estado na ordem de R$ 10 milhões.

Presidente da Câmara de Vereadores Emir Aguiar.Instituída através da Lei nº. 9.386 de 09 de julho de 1981, derivada do Projeto de Lei do Sr. Antônio dos Santos Pereira, então vereador do município, e sancionada pelo prefeito da época Antônio Guerreira Guimarães, a honraria é conferida, anualmente, por ocasião do aniversário de fundação da cidade às pessoas que se destacaram em seus campos de atividades no município ou que, a ele, tenham prestado relevantes serviços.

A cerimônia iniciou com a execução do Hino Nacional pela Banda do 8º Batalhão de Engenharia e Construção (BEC), seguido de fala do presidente da Câmara de Vereadores, Emir Aguiar; vice-prefeito José Maria Tapajós e prefeito de Santaém Nélio Aguiar. 

A primeira homenageada a receber a honraria, entregue pelo prefeito Nélio Aguiar, foi a servidora pública Mara Suely Souza da Palma.

Mara Suely Sousa da Palma foi a primeira personalidade a receber a honraria

"Sinto-me bastante honrada pela indicação do meu nome ao recebimento da maior comenda do município. Agradeço primeiramente a Deus pela vida e pela capacidade de trabalho que me foi dada. Agradecer o prefeito Nélio Aguiar pelo reconhecimento, a meus familiares pelo apoio, a meus colegas de trabalho da Prefeitura de Santarém por tudo que nós já realizamos até hoje. Divido esta honraria com todos os técnicos para que possamos trabalhar sempre em equipe em prol do desenvolvimento de Santarém."

Perfil: Natural de Santarém, nasceu em 31 de dezembro de 1971. Filha de Antônio Oliveira da Palma e Maria José Souza da Palma. É casada com Gracivaldo Albarado da Silva e mãe de dois filhos, Fábio Palma Albarado da Silva e Gabriel Albarado da Silva. Graduou-se em Ciências Contábeis pelas Faculdades Integradas do Tapajós, no ano de 2008. É formada nos cursos de Capacitação em Gestão Empresarial pelo Iespes, Capacitação em Gestão do Patrimônio Histórico, Cultural e Direitos Culturais pela Ufopa, Capacitação ao Sistema de Convênios e Contratos de Repasses (Sincov), pelo Serpro.

Faz parte do quadro de servidores da Prefeitura Municipal de Santarém desde 2005 onde permanece até hoje, atuando no gerenciamento do Sistema de Convênios e Contratos de Repasse (Sincov), sendo responsável pelo cadastramento de propostas para captação de recursos do Governo Federal e pelo controle de convênios e contratos da Gestão Municipal.

Em seguida, o homenageado condecorado com a medalha foi o Capitão de Fragata Robson Ferreira Carneiro. 

Capitão de Fragata Robson Ferreira Carneiro recebeu a medalha do prefeito Nélio Aguiar

"Primeiramente muito honrado em ter recebido o título de cidadão santareno em 2018 e, agora, ser agraciado com essa medalha tão honrosa, a maior comenda de Santarém. É fruto do trabalho executado de 16 meses à frente da nossa Capitania Fluvial de Santarém com o objetivo de prover a segurança da navegação, de salva guarda a vidas humanas, da prevenção ao policiamento dos rios sendo um trabalho mais de cunho social e preventivo onde atuamos com vários projetos. Destaco o projeto da segurança de navegação das escolas alcançando, somente em Santarém, mais de 15 mil crianças conscientizadas, expandido para o Oeste do Pará na nossa jurisdição, alcançando 30.823 crianças. É um projeto que nossa população reconheceu e sou muito grato."

Perfil: Nascido na cidade do Rio de Janeiro em 29 de julho de 1972, Robson Ferreira ingressou no colégio naval em 1990 e em 1993 na Escola naval. Exerceu os cargos de guarda – marinha, segundo – tenente,  primeiro tenente, capitão tenente, capitão de Corveta  e em 31 agosto de 2014 capitão de fragata.

Formado em gestão empresarial pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, também foi instrutor do curso de logística e mobilização na escola superior de guerra. Como capitão dos portos exerce trabalhos de cunho social e preventivo. Formou mais de 550 aquaviários e distribuiu mais de 2.000 coletes salva guarda de vida humana. Ao longo de sua carreira na Marinha do Brasil, Capitão Robson Ferreira, recebeu importantes prêmios e condecorações.

A terceira homenageada com a comenda foi a Irmã Maria Iêda de Sousa. 

Irmã Maria Iêda de Sousa recebeu a homenagem por seus importantes feitos missionários na região

"Eu recebo com alegria pelo fato de sermos lembrados enquanto instituição e para mim significa estímulo, encorajamento, dedicação. Significa que ainda temos muito o que fazer naquele espaço."

Perfil: Natural de Canindé – Ceará nasceu em 23 de setembro de 1949. Irmã Maria é a primogênita de uma família de nove irmãos, filha de José Félix de Sousa e Maria das Neves de Sousa. Aos nove anos de idade mudou-se para Santarém juntamente com toda sua família, onde passou a residir no Bairro Tabocal. Estudou o primário na Comunidade São José. Ainda como estudante já lecionava para as crianças da Comunidade Tabocal.  Desenvolveu sua liderança com os grupos de jovens como catequista e lutou com o povo para construir a primeira escola do Tabocal: Jarbas Passarinho onde também lecionou.

Possui uma vasta carreira de lecionamento para a juventude. Em 02 de fevereiro de 1981, fez sua Profissão Perpétua, na Igreja do Colégio Santa Isabel em Fortaleza (CE). Em 22 de outubro de 2005, lançou o Projeto Ternura e Arte-JUTA, na Escola Municipal Wilson Fonseca com o apoio da Orquestra Jovem Maestro Wilson Fonseca. É idealizadora do Projeto Irmã Dulce dos Pobres que atende famílias carentes. Em 30 de junho de 2011, o Projeto Irmã Dulce dos Pobres, cresceu com a proposta de ajudar ao próximo, sem distinção, inspirado no Carisma da Bem-aventuraça Dulce dos Pobres. Hoje, o Projeto conta com a doação de amigos de Santarém e outras regiões, parcerias com Instituições e a ajuda de voluntários.

Posteriormente, o quarto homenageado que recebeu a medalha do prefeito Nélio Aguiar foi o Coronel Aldemar Loureiro Maués Júnior. 

Coronel Aldemar Maués foi condecorado com a medalha por, junto com o 3º BPM, ter diminuído o índice de criminalidade no município.

"Essa honraria representa o reconhecimento de todo um trabalho que foi feito. Cheguei em Santarém em 1997. Aqui casei, aqui nasceu nossos filhos. Em 2005 recebi o título de cidadão santareno, então me considero santareno. Esse prêmio vem coroar todo o trabalho que viemos realizando desde esse período e, principalmente nos anos de 2017 e 2018 no comando do 3º batalhão onde conseguimos reduzir o índice de criminalidade e devolver a sensação de segurança da sociedade. Aproveito a oportunidade para dividir essa comenda com toda a tropa da Polícia Militar que entendeu a filosofia do trabalho e conseguiu realizar esse trabalho tão importante para a sociedade santarena."

Perfil: Nascido no dia 09 de Junho de 1975, em Belém/PA, é filho de Aldemar Loureiro Maués e Mª Augusta de Oliveira Maués. É casado com a Sra. Lilian Maués, com quem tem dois filhos: Enzo Matheus e Yan Davi, ambos nascidos em Santarém.

Ingressou na Briosa Polícia Militar do Pará, em 1º de março de 1994. Em 1997, serviu à Santarém pela primeira vez como 2º Tenente. Em 2008, foi promovido a capitão e transferido para a capital do Estado. Desde 2017, comanda o 3º BPM. É bacharel em Direito pela Universidade da Amazônia, Pós-Graduado em Ciências Criminais pela Universidade Luterana do Brasil, Pós-Graduado em Gestão Orçamentária e Financeira pela Faculdade Estácio de Sá. Unificou os projetos sociais do 3º BPM dentro do Projeto Cidadão do Futuro que atende 600 crianças carentes nos 5 pólos de atendimento.  Em dezembro de 2005, recebeu o Título de Cidadão Santareno. Em 2019 recebeu o Título de Herói do Tapajós, ambos concedidos pela Câmara Municipal de Santarém.

O seguinte homenageado foi o juiz federal Dr. José Airton de Aguiar Portela.

Juiz federal José Airton Portela dedicou a homenagem a todos os filhos de Santarém 

"Há muita gente nessa cidade que mereceria muito mais. Eu recebo esta homenagem em nome desta gente batalhadora e simples que fez essa cidade crescer. Digo que não sou merecedor, mas se o faço, faço em nome desta gente santarena que merece todo nosso aplauso e nosso carinho."

Perfil: Natural de Coreaú, Estado de Ceará, nasceu no dia 11 de novembro de 1969. Mudou-se para Santarém aos 5 anos de idade. É filho de Raimundo Luiz Machado Portela e Francisca de Aguiar Portela. É casado com Kátia Portela com quem tem 3 filhos: Ana Luiza de Aguiar Portela, Júlia de Aguiar Portela e Luiz Augusto Portela.

Juiz Federal há 16 anos, já exerceu as funções de Procurador Federal no Estado de São Paulo, Advogado da União no Amapá e Pará, Procurador-Chefe da União em Santarém, Analista no Ministério Público Federal e Advogado Privado, Diretor da Escola de Advocacia Pública e integrante das Comissões de Exame de Ordem e Direitos Humanos. Como Juiz Federal atuou nas Seções dos estados do Distrito Federal, do Amazonas e do Pará. Foi Juiz Federal, titular da Segunda Vara da Subseção de Santarém, sendo ainda Diretor do Fórum desta Subseção e de toda a Seção do Pará, onde instalou a vara federal de Itaituba e respondeu por esta subseção e também em Altamira.

Atualmente, é Presidente das Turmas Recursais Pará/Amapá e atua por convocação no Tribunal Regional Federal em Brasília, na Oitava Turma e 4ª Seção desta Corte.

A sexta personalidade a receber a mais alta comenda do município de Santarém foi o governador do estado do Pará Helder Zahluth Barbalho.
Momento em que o governador Helder Barbalho e o prefeito Nélio Aguiar assinam convênio de R$10 milhões para a agenda de infraestrutura do município

Representando os homenageados, Helder iniciou seu pronunciamento público parabenizando Santarém pelos 358 anos e cumprimentou as autoridades presentes do poder legislativo, executivo, judiciário e civil. "Sempre coloquei como prioridade o desafio do governo do estado ser capaz de chegar em cada canto. É o que tenho buscado exercitar ao longo deste 5 meses. Posso constatar que esta nossa parceria começa a trazer frutos à Santarém. Em meu mandato já tive momentos memoráveis nesta cidade, em 1º de janeiro e também com a oportunidade, posteriormente, de trazer o governo do estado através da itinerança com a descentralização e acima de tudo com a capacidade de ouvir a sociedade, de construir o plano plurianual, de fazer convênios. Neste período já firmamos o compromisso da ordem de R$35 milhões de reais para a agenda da saúde, infraestrutura, educação e esporte."

O governador garantiu ainda entregas importantes para o município. "No Çairé, quando estaremos novamente aqui para celebrar a cultura desta cidade, vamos entregar um ginásio poliesportivo. Além disso, se Deus quiser, vamos inaugurar este ano o Terminal Hidroviário. Quero reafirmar que ao longo destes 4 anos vamos firmar ainda muitas parcerias. Precisamos gerar emprego, desenvolvimento, progresso aos santarenos e ao povo paraense."

Prefeito Nélio Aguiar reconheceu o desenvolvimento de Santarém construído pelo povo santareno O prefeito Nélio Aguiar parabenizou os agraciados, destacando a importância de cada um para o desenvolvimento da cidade. Ele assinou juntamente com o governador Helder Barbalho o convênio que vai destinar R$ 10 milhões em investimentos na área de infraestrutura de ruas. Nélio falou ainda sobre o desafio que é governar e administrar Santarém.

"Uma responsabilidade muito grande. Um desafio que para ser vencido necessita de muitas batalhas e, consequentemente, de muitas vitórias. É o que estamos fazendo hoje. Enfrentamos todos os dias uma batalha para ser vencida: seja na saúde, na educação, na infraestrutura, no turismo, no esporte, na cultura, na assistência social e no meio ambiente. O esforço é grande. Nossas vitórias só são possíveis com a ajuda de nossos soldados: cidadãos santarenos, que ajudaram a construir a história de nossa cidade ao longo desses 358 anos. Um povo guerreiro, trabalhador e hospitaleiro", disse Nélio Aguiar.

"Quero agradecer, em nome do povo de Santarém, ao governador Helder que em menos de seis meses já destinou 35 milhões de reais, em convênios, para nosso município. São R$ 25 milhões para o nosso Materno Infantil e agora R$ 10 milhões para infraestrutra. Nos últimos dois anos recebemos apenas 150 mil reais em convênio. Então é uma ajuda e um salto significante para qualquer gestor e para a nossa população", finalizou Aguiar.

A solenidade encerrou com o Hino de Santarém. Logo depois, houve o Show Canta Santarém com a performance de diversos artistas da região. Confira as atrações:

Sebastião Tapajós
Ivone e Odilson Matos
Vianney Sirotheau
Dandara Aguiar 
Rai Monteiro
Alexandre Escher
Ricky Miranda
Priscila Castro
Vicente Filho 
Patricia Lima
Marcia Pedroso 
Cristina Caetano
Ton D'Oliveira 
Diane Freire 
Nelson Vinneci
Ádria Góes
Walluc
Marcelle Almeida
Eduardo Dias
Júnior Kamon
Nato Aguiar
Kaila Moura
Everaldo Martins
Cesar Brasil

Entenda quem foi Padre João Felipe Bettendorf - 
João Felipe Bettendorf nasceu em 25 de agosto de 1625 em Lintgen, Luxemburgo. De família abastada, estudou humanidades no colégio jesuítico do país, filosofia na Universidade de Trier (atual Alemanha) e direito na Universidade de Cuneo (Itália). Em novembro de 1647, ingressou noviciado jesuíta em Tournai e fez diversos estágios em colégios dos Países Baixos Espanhóis. Estudou teologia em Douai, na atual França.

Em 22 de junho de 1661, Bettendorf fundou Santarém sob o nome de "Aldeia dos Tapajós". Logo ao chegar construiu a primeira capela de Nossa Senhora da Conceição. Também foi responsável pela construção e decoração pictórica de igrejas em Belém e São Luís. Faleceu em 5 de agosto de 1698. (Fonte: Wikipedia).

Alanda Matos Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação