Notícias

Atualizado em 18/06/2019 às 12h00

Empresa Resende Batista apresenta à SMT Plano de Implantação com prazos e estratégias


Empresa fica localizada na Av. Fernando GuilhonA Empresa Resende Batista apresentou e entregou para a Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT) da Prefeitura de Santarém, em reunião na segunda-feira (17), o Plano de Implantação com prazos e estratégias de transição para a nova operação do transporte coletivo urbano no município, que será realizado a partir do dia 17 de julho.

No documento entregue à comissão gestora do contrato, a Empresa Resende Batista organizou datas na qual fará as ações necessárias antes do início da operação dos transportes coletivos nas ruas da cidade. "Nós detalhamos todo o processo de implantação através desse cronograma que apresentamos aqui na secretaria para a empresa começar a operar, passamos todas as diretrizes, data e tudo como vai ser realizado. Nosso espaço físico já está sendo organizado para passar pela vistoria, vamos fazer o recebimento dos veículos que devem chegar no início do mês de julho a Santarém. Estamos em fase de aquisição de equipamentos, organizando as questões como seleção de pessoal, sistema de bilhetagem eletrônica, controle operacional, entre outras atividades relacionadas ao contrato", ressaltou Jailton Bezerra da Silva, consultor financeiro da Empresa Resende Batista.

De acordo com o Plano de Implantação, no dia 25 de Junho uma vistoria será realizada na garagem da empresa pela Comissão Gestora do Contrato. A seleção dos funcionários se dará a partir do dia 26 de junho. A entrega do sistema de controle operacional que funcionará na empresa e também na SMT será no dia 3 de julho e a vistoria técnica dos veículos que serão inspecionados para a liberação de autorização de tráfego será no dia 10 de julho.

Reunião da SMT com os representantes da Empresa Resende BatistaSobre a contratação da mão de obra, a empresa esclarece que no primeiro momento dará prioridade as pessoas que operam no atual sistema e fizeram a entrega de currículo, "Conforme a data estabelecida no plano de implantação nós estaremos convocando os trabalhadores que entregaram seus currículos durante a ação da Empresa Resende Batista no Sindicato dos Rodoviários durante o mês de fevereiro e no mutirão da empregabilidade realizado pela prefeitura no dia 4 de abril. Nesse primeiro momento nós vamos dar prioridade a essas pessoas, fazer o recrutamento, seleção, entrevista e posteriormente vamos continuar abrindo para o público externo que manifestará interesse em fazer parte da empresa", explicou Bezerra.

Para a comissão gestora do contrato a reunião foi considerada satisfatória. "Na reunião nós tratamos com a Resende Batista sobre o início da atividade do transporte coletivo, a empresa trouxe esse cronograma com as datas considerando o prazo de início da operação atendendo todos os itens estabelecidos no contrato. Mediante no que foi apresentado nós avaliamos positivamente e a empresa manifesta compromisso nas clausulas estabelecidas no contrato e nós acreditamos que o serviço vai se dar de acordo com o que foi determinado", ressaltou o secretário de Mobilidade e Trânsito Paulo Jesus.

De acordo com Paulo Jesus, todo o processo de implantação da empresa no sistema será acompanhado pela comissão gestora do contrato para que tudo possa ocorrer dentro do planejamento, para que a população possa usufruir tão logo do serviço com segurança e qualidade e que os impactos na transição sejam mínimos possíveis.

Licitação do transporte coletivo"Nós vamos acompanhar todos os passos como o restante da organização do espaço físico da empresa, implantação do sistema de bilhetagem eletrônica, centro de controle de operações que a empresa vai viabilizar, o funcionamento do aplicativo para o usuário acompanhar em tempo real a operação e também a transição do sistema de bilhetagem eletrônica com venda e emissão de passes estudantis. Esses são os principais pontos que são necessários dentro dessa operação. Nós vamos nos concentrar no cumprimento desse plano de implantação e a população pode ficar tranquila que todos os esforços serão feitos para que a mudança transcorra com o mínimo de impacto possível", finalizou Paulo.

Marina Bandeira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação