Notícias

Atualizado em 30/05/2019 às 16h06

2º Ciclo de Oficinas de Criatividade inicia para garantir aos jovens acesso ao mercado de trabalho

A aula inicial do 2º Ciclo de Oficinas de Criatividade do Acessuas Trabalho ocorreu na manhã desta quinta-feira (30) na sede do Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), local que será o ponto de encontro dos meses de junho, julho e agosto de 50 usuários da Assistência Social. Com as oficinas os atendidos pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e Casa de Acolhimento Reviver terão a oportunidade de ser orientados sobre espaço de reflexão, conscientização, discussões, preparação, orientação e mediação para que possam fortalecer a autonomia e protagonismo na busca por direitos e espaços de interação relacionados ao mundo do trabalho.

Leia também:

A realização do 2º Ciclo de Oficinas de Criatividade é uma parceria com o CIEE por meio da Assistente Social Mônica Felix e a equipe do Programa de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho (Acessuas) do governo federal em parceria com a Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) que repassarão toda a preparação para que eles possam conquistar uma vaga no mundo do trabalho.

Estiveram presentes a Secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito; a Procuradora do Ministério Público do Trabalho (MPT) Marcela Guimarães; a Coordenadora do Acessuas Trabalho Louise Aguiar e a Assistente Social Monica Felix.

"Os participantes ganharam um grande incentivo com a participação de 4 dos 6 adolescentes que por meio do 1º Ciclo de capacitação conquistaram sua vaga de trabalho. Eles contaram a experiência na hora da entrevista, quais perguntas foram feitas e principalmente o que mudou em suas vidas com a conquista do primeiro emprego servindo de estímulo aos demais", pontuou a coordenadora do Acessuas Trabalho Louise Aguiar.

Esaú Gadelha, 16, participou do 1º Ciclo de oficinas. Através da oportunidade conquistou uma vaga na Caixa Econômica Federal e aguarda com felicidade o início das atividades na empresa. "Tive a oportunidade de conhecer muita gente no 1º Ciclo de Oficinas de Criatividade. Meu conselho é que todos possam se enturmar mais e correr atrás de seus sonhos. Eu e minha família estamos muito felizes".

A dona de casa Antônia Edna Araújo, 43, sabe dos benefícios que a Assistência Social gera a população, pois é usuária de longa data do Cras São José Operário. Mãe de 6 filhos, acompanhou a filha Elisa Milena de Araújo Silva, 16, na primeira aula da oficina. "É uma grande oportunidade para ela, desejo que ela possa aprender e conseguir um bom trabalho". Elisa também falou sobre a participação no 2º ciclo. "Estou com muita expectativa de me sair bem e ter a oportunidade de trabalhar para comprar minhas coisas e ajudar minha mãe". 

"Esse é um trabalho mais profundo com nossos usuários adolescentes que precisam ser acompanhados de perto. Nós, da Assistência Social, estamos avançando para além do acompanhamento socioassistencial. Hoje, percebemos que a qualificação e o empoderamento desse público realmente é muito importante para que possam ser inseridos no mundo do trabalho tendo coragem e força para sair da situação de vulnerabilidade", destacou a secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito.

Procuradora Marcela Guimarães (à direita)A procuradora do MPT Marcela Guimarães observou a relevância do 2º Ciclo. "Nós reforçamos a importância das oficinas de criatividade para o maior preparo desses jovens com a inserção qualificada no mercado de trabalho através do contrato de aprendizagem".

A assistente Social do CIEE Monica Félix frisou a importância da realização dessas oficinas. "Trata-se da busca pela formação, informação e horizontalização do conhecimento. Trazer esses jovens para repassar informações, crescer com eles também para conquistar uma vaga no mercado de trabalho é importantíssimo."

As oficinas ocorrerão uma vez por mês, nos meses de maio, junho, julho e agosto com duração de 240 minutos cada. As turmas serão divididas nos turnos de manhã e tarde com 25 adolescentes em cada turno, um total de 50. O primeiro turno será das 8h às 12h e o segundo de 14h às 18h.

As oficinas serão realizadas no CIEE, discutindo temas como Identidade pessoal e grupal; Conceito de trabalho; Etapas do processo seletivo – currículo; Etapas do processo seletivo - entrevista e dinâmicas; Postura profissional; Imagem nas redes sociais; Liderança e trabalho em equipe; Comunicação e negociação; Condutas éticas e Planejamento.Presente as coordenadoras da PSB, PSE, CIEE e Acessuas


Acompanhe as ações da Prefeitura de Santarém nas redes sociais:
Facebook:  https://pt-br.facebook.com/prefeituradesantarem/
Instagram: @prefeituradesantarem
Youtube: Canal da Prefeitura de Santarém

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação