Notícias

Atualizado em 10/05/2019 às 22h56

4ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa reúne mais de 200 idosos


Com o objetivo de discutir eixos fundamentais para as políticas públicas da pessoa idosa, ocorreu nesta sexta-feira (10), no auditório da escola de artes Emir Hermes Bemerguy, a 4ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDPI) reunindo aproximadamente 250 idosos. O evento foi realizado a partir da parceria entre a CMDPI e a Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras).

A 4ª Conferência abordou o tema "Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas" que durante o encontro foi debatido pelo Presidente da Comissão dos Idosos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Subseção de Santarém Evaldo Sena através de 4 eixos:
I Eixo - Direitos Fundamentais na Construção/Efetivação das Políticas
II Eixo - Educação: assegurando direitos e emancipação humana.
III Eixo - Enfrentamento da Violação dos Direitos Humanos da Pessoa
IV Eixo - Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas.

A mesa de abertura foi composta pela secretária municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito que representou o prefeito Nélio Aguiar; o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDPI) Murilo Reis; a Titular do 11º cargo de promotor de Justiça de Santarém Larissa Brasil Brandão; o Presidente da Comissão dos Idosos da OAB Subseção de Santarém Evaldo Sena; o Delegado da Polícia Civil Eduardo Simão; representando a Câmara Municipal de Santarém, o Vereador Alaércio Cardoso; representando o Centro Regional de Governo, a coordenadora de Assistência Soliene Sousa; a representante da Pastoral do Idoso Zilma Colares e o secretário de Cultura Luiz Alberto Pixica.

O vereador Alaércio Cardoso parabenizou a organização do evento e destacou a importância em discutir os direitos da Pessoa Idosa em Santarém citando uma atividade promovida pela Câmara que é voltada para esse público. "Iremos realizar no dia 4 de junho, alusivo ao mês do idoso, uma sessão especial na Câmara Municipal com a presença de outros municípios."

A secretária Celsa Brito lembrou do sucesso das seis Pré-conferências municipais que reuniu um público de mais de 500 idosos em articulação pelos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) com a importante participação da sociedade civil. "Esse evento não finaliza aqui, ele vai continuar com a participação na Conferência estadual prevista para ser realizada em setembro que irá levar as propostas discutidas em Santarém indicando políticas públicas para a pessoa idosa."

A Titular do 11º cargo de promotor de Justiça de Santarém Larissa Brasil Brandão falou da satisfação em ver tantos idosos reunidos. "Sem dúvida é um momento muito importante de união dos idosos em uma só voz para mostrar suas demandas, colocar suas prioridades, dizer o que querem em termos de implementação de políticas públicas e nós estamos representando o Ministério Público para ouvir essas demandas e tentar dentro de nossa atuação ajudar para que realmente possam ser implementadas essas melhorias."

"Estamos muito felizes em ver esse local lotado de pessoas idosas demonstrando que eles têm real interesse e correm atrás de seus direitos", pontuou o presidente do CMDPI Murilo Reis.

A delegada representante da Pastoral do Idoso e de todos os idosos presentes Zilma Colares destacou a importância de estarem juntos. "Essa é a primeira atividade que essa nova gestão do conselho realiza. Tivemos as pré-conferências e contamos com a presença da doutora Larissa Brasil do Ministério Público, da secretária Celsa que representou o prefeito Nélio Aguiar e demais autoridades. Defendemos a questão da escola para o idoso, da hidroginástica e o acompanhamento nos ônibus. Contamos com apoio de todos para levar nossos eixos à conferência estadual".

Segundo a vice- presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa Rosiane Matos, a cada pré-conferência 5 propostas foram escolhidas totalizando 30. Dessas, 20 serão defendidas por 6 delegados idosos que irão para a conferência estadual prevista para setembro.

Leia também:

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação