Notícias

Atualizado em 01/03/2019 às 18h26

Cerca de 65 mil alunos da rede municipal de ensino voltam às aulas


Mais de 65 mil alunos da rede municipal de ensino em Santarém retornaram às aulas nesta sexta-feira, 1º de março, dando início ao ano letivo de 2019. A abertura oficial ocorreu na Escola Municipal de Ensino Fundamental Brigadeiro Eduardo Gomes, no bairro Aeroporto Velho, e contou com a presença do prefeito Nélio Aguiar, da secretária de Educação Mara Belo, famílias dos alunos e lideranças de comunidades. Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) e Centros Municipais de Educação Infantil (Cemeis) também iniciaram o calendário escolar.

Nélio Aguiar orientou para que o trabalho do sistema municipal de ensino continue sendo feito de maneira integrada com gestores, educadores, alunos, família e a comunidade. "É muito importante o envolvimento da família como corresponsável no processo de formação e educação dos seus filhos. As crianças são sementes cultivadas hoje e que amanhã gerarão bons frutos. Os futuros mestres e progressistas da sociedade surgirão por meio da educação de qualidade. Temos a responsabilidade em construir uma boa base na educação infantil para que possa ser ponte de ingresso em boas universidades, ensino técnico ou superior", concluiu.

De acordo com a titular da pasta de Educação Mara Belo, para o primeiro dia de aula a equipe da Secretaria realizou um planejamento e organização para que tudo transcorre-se como programado no início do ano letivo. Equipes da Secretaria Municipal de Educação (Semed) estiveram em algumas das instituições de cada uma das regiões escolares: cidade, planalto, rios e Umeis. "Foi um dia de acolhida, de abraço e de boas-vindas a todos os alunos. Lugar de criança é na escola. Na atual gestão a comunidade foi inserida para dentro da escola. A vinculação escola-comunidade faz uma grande diferença, evidenciada no número crescente de 300 para 700 alunos. Cada comunitário passa a se sentir parte do ambiente escolar e com isso a instituição se torna mais próspera e as pessoas passam a preservá-la mais porque se sentem agentes ativos desse ambiente", avaliou.

O diretor da Escola Municipal Brigadeiro Eduardo Gomes, João Magalhães, comentou a importância das presenças do prefeito Nélio Aguiar e da Secretária de Educação Mara Belo na programação de abertura do ano letivo 2019. Segundo ele, foi um momento oportuno para mostrar a comunidade que a escola está de portas abertas para receber os alunos e as famílias. "Hoje, para nossa surpresa compareceu um número expressivo de alunos em relação aos anos anteriores. Sinal de que a escola é valorizada e tudo isso é demonstrado com o trabalho de envolvimento de todos."

Brigadeiro Eduardo Gomes é uma escola de referência no bairro Aeroporto Velho, pois integra pais, alunos e comunidade em geral. "Nós abrimos nossas portas para a comunidade, para que participem do dia a dia da escola de maneira comprometida e responsável. Esse ano, a escola conta com 700 alunos distribuídos em 24 turmas", pontuou João Magalhães.

Educação Infantil
Em relação a voltas às aulas nas Unidades e Centros de Educação Infantil, o período é de adaptação, haja vista que os Cemeis estão recebendo crianças a partir de um ano de idade e os pequeninos precisam de pelos menos 15 dias para se adaptarem com a rotina de educação Infantil. A principal meta é cumprir o calendário letivo do dia 1º de março até 31 de dezembro, com a realização de todos os projetos de acordo com o planejamento para que se cumpra o que determina a legislação que normatiza a Educação Infantil.

A professora Aline Fernandes relatou que a zona urbana do município está organizada em quatro polos, onde estão distribuídos as 36 Umeis e Cemeis, com a oferta de formação continuada aos professores, levando em consideração a realidade de cada um. "Esse ano nós mudamos. Em vez de fazer um encontro com todos, partimos da realidade de cada polo com formação sobre a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), ética, entusiasmo e arte na educação infantil."

A professora Janice Diniz, coordenadora do Cemei Professora Maria Raimundo Pereira de Sousa, no bairro Nova República, disse que as atividades iniciaram com a presença dos pais e das 130 crianças matriculadas no período da manhã. Janice disse ainda que durante a quadra carnavalesca as atividades da Unidade ocorrerão normalmente. "Nós temos um compromisso muito grande com essas crianças e com as famílias, por isso, não haverá paralisação, a não ser na terça-feira (5), feriado de carnaval. Em 2019, o Cemei vai atender 230 crianças com idade de 1 ano e 3 meses a 5 anos de idade, distribuídas em dois turnos, sendo 130 crianças pela manhã e 100 no período da tarde."

Ednaldo Rodrigues Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação