Notícias

Atualizado em 25/02/2019 às 15h33

Dia D de combate ao sarampo imuniza quase 6 mil pessoas


*Matéria em atualização*

A vacina nos postos obteve um grande fluxo de procuraTrinta e duas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) atuaram no Dia 'D' de vacinação contra o sarampo em Santarém, que ocorreu na última sexta-feira, 22 de fevereiro. Até esta segunda-feira (25), os dados da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) contabilizaram 5.708 imunizações. Os números da campanha na região do Planalto ainda estão sendo apurados. A ação foi promovida pela Prefeitura de Santarém, por meio da Semsa.

O objetivo da campanha foi vacinar a população da faixa etária de 1 a 49 anos de idade, de forma seletiva, ou seja, de 1 a 29 anos as pessoas precisavam comprovar duas doses da vacina na caderneta de vacinação e de 30 a 49 anos apenas uma dose. Em ambos os casos, se comprovada em caderneta, não era preciso tomar a vacina. A orientação estava sendo dada a todos que procuravam os postos de vacinação no Dia D. Caso a pessoa não pudesse comprovar que estava imunizada, as equipes eram orientadas a vaciná-la.

De acordo com a coordenadora da equipe de enfrentamento do sarampo em Santarém, enfermeira Edna Gadelha, a procura pela vacina foi considerada muito boa com um grande fluxo de procura nos postos, embora nem todos precisassem ser vacinados.

Na UBS de Fátima, por exemplo, mais de mil pessoas procuraram a Unidade, mas apenas cerca de 200 realmente precisavam tomar a vacina. "As pessoas atenderam o nosso chamado. Tivemos um comparecimento muito bom e isso é muito importante para imunizar a nossa população e erradicar novamente o sarampo da nossa cidade", salientou.

Santarém totaliza até esta segunda-feira (25), 4 casos de confirmação da doença, sendo 3 crianças e 1 adulto. Esses foram os últimos casos de sarampo contabilizados na cidade, no início do mês de fevereiro deste ano. Nenhum óbito foi registrado. Para evitar novos casos, a vacinação continua sendo realizada nas UBS's. Outra estratégia é a vacinação itinerante, onde as equipes levam o atendimento até praças, mercados, feiras, escolas, universidades, empresas e instituições públicas e privadas, etc. "Além da vacinação nas UBS's, estaremos com a ação itinerante até que não haja mais nenhuma notificação do sarampo em nossa cidade", garante Edna Gadelha, que explicou ainda que para solicitar a visita da equipe de vacinação itinerante, basta que a pessoa entre em contato com a Divisão de Vigilância em Saúde (Divisa) da Semsa para acertar os detalhes.

Secretária Dayane Lima concede entrevista a veículos midiáticos sobre a campanha contra o sarampoA secretária de Saúde Dayane Lima esteve visitando a UBS de Fátima para acompanhar o dia D de vacinação. "Embora não haja surto de sarampo em nossa cidade, a gestão municipal está empenhada em manter nossa população protegida e livre dos casos da doença.  A doença é curável, no entanto, se não tratada pode levar a óbito. Ressaltamos que nenhum óbito foi registrado. A prevenção é a melhor opção e nossas equipes estão empenhadas para erradicar o sarampo em Santarém ", afirma a secretária.

Trinta e duas UBSs da cidade e planalto atuarem no dia D

Confira o cronograma de visitas das equipes de vacinação itinerante para os próximos dias:
25/02 - Embarcações e empresa Avis Pará
26/02 - Prédio da PMS e Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras)
27/02 - Colégio Santa Clara, Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) e empresa Bertolini
28/02 - Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra)
01/03 - Setor de habitação prédio do PAC (Prox. Ao Detran) e Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa)
07/03 - Rádio Rural

Dayse Lima Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação