Notícias

Atualizado em 04/02/2019 às 16h31

Cras realizam palestras sobre Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família e o Acessuas


Com objetivo de esclarecer para as famílias os serviços prestados pelos 8 Centros de Referência de Assistência Social (Cras), a Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) está realizando para a população das áreas de abrangências dos Centros, reuniões informando como funciona o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (Paif) e também o Acessuas Trabalho. O serviço e o programa atendem o mesmo público, famílias em situação de vulnerabilidade social cadastradas em alguns dos Centros.

O Paif consiste no trabalho social com as famílias na finalidade de fortalecer a função protetiva cujo objetivo é prevenir a ruptura dos seus vínculos, promover acesso e usufruto dos direitos e contribuir na melhoria da qualidade de vida.

Segundo Marlem Ribeiro, Coordenadora da Proteção Social Básica (PSB), após o cadastro no Paif a família é inserida em alguns dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), seja de Crianças e Adolescentes ou Idosos. Os atendimentos ofertados são de ações individuais e coletivas, acolhida, oficinas, encaminhamentos, ações comunitárias, palestras, reuniões e ações particularizadas. Em 2018 o acompanhamento familiar do Paif foi de 8.265 pessoas.

O Paif realiza uma reunião mensal com as famílias cadastradas nos Centros para avaliar como elas estão e qual a avaliação dos serviços ofertados.

Já o Programa de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho (Acessuas Trabalho) busca a autonomia das famílias usuárias da Política de Assistência Social, por meio da integração ao mundo do trabalho. Foi implementado na gestão do prefeito Nélio Aguiar e irá ser desenvolvido até 2021, cujo objetivo é promover o acesso de seus usuários a oportunidades no mundo do trabalho, através de ações integradas e articuladas voltadas para a garantia dos direitos sociais e cidadania para pessoas em situação de vulnerabilidade social e econômica.

Tendo como objetivo mobilizar, preparar, encaminhar e acompanhar os usuários de forma qualificada através de oficinas, palestras e encontros promovidos, com foco no desenvolvimento de habilidades dos usuários e orientações para o mundo do trabalho.

De acordo com a coordenadora do Acessuas Trabalho em Santarém Louise Aguiar, para participar do programa o usuário da assistência social, deve ter o número de NIS e sinalizar um interesse para a equipe de referência do Cras ou de qualquer outro serviço socioassistencial em que participa ou é acompanhado em se inserir no mundo do trabalho. Então ele será encaminhado via prontuário eletrônico para a equipe do programa Acessuas, e participará de atendimento individualizado que visa identificar as habilidades, aptidões e anseios profissionais desse indivíduo.

"Após essa avaliação nós encaminharemos o usuário para as oficinas preparatórias para o mundo do trabalho, conforme suas necessidades. Noventa pessoas entre jovens e adultos participaram de oficinas de empreendedorismo, preparação de curriculum, entrevista de emprego e elas já foram encaminhadas para participar de cursos de manicure, culinária básica e horticultura Orgânica. Esse é o objetivo do Acessuas, preparar as pessoas para pleitear uma vaga no Mundo do Trabalho", destacou Louise.

Três reuniões já foram realizadas no final de janeiro, nos Cras São José Operário, Urumari e Cras Ribeirinho. Cento e oitenta pessoas participaram e tiveram a oportunidade de conhecer o Serviço e o Programa. A próxima reunião ocorrerá na quinta-feira (7) no Cras Nova República, às 15h

Sobre o Paif:
O Paif é o principal serviço da proteção social básica que desenvolve o trabalho social com famílias. Foi reconhecido pelo governo federal como um serviço continuado de proteção básica (Decreto nº 5.085/2004), passando a integrar a rede de serviços socioassistenciais.

O CRAS é a estrutura física onde o serviço PAIF é executado, sendo a unidade pública estatal de referência da rede de proteção social básica.

Sobre o Acessuas Trabalho:
O Programa de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho (Acessuas Trabalho) busca a autonomia das famílias usuárias da Política de Assistência Social, por meio da integração ao mundo do trabalho. A iniciativa faz parte de um conjunto de ações de articulação de políticas públicas e de mobilização, encaminhamento e acompanhamento de pessoas em situação de vulnerabilidade e/ou risco social para acesso a oportunidades afeitas ao trabalho e emprego.

As ações de Inclusão Produtiva compreendem a qualificação técnico-profissional; a intermediação pública de mão-de-obra; o apoio ao microempreendedor individual e à economia solidária; o acesso a direitos sociais relativas ao trabalho (formalização do trabalho); articulação com comerciantes e empresários locais para mapeamento e fomento de oportunidades, entre outros.

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação