Notícias

Atualizado em 30/01/2019 às 13h07

Projeto Floresta Urbana apresenta diagnóstico para arborização em Santarém


Visitas da 2ª etapa da elaboração do Plano Municipal de ArborizaçãoEm 2017 e 2018 foi realizado o levantamento das espécies de árvores que compõe o mobiliário do passeio público de 10 bairros santarenos. Com a finalidade de apresentar a técnicos e à população de modo em geral os resultados do mapeamento e os encaminhamentos de novas ações para a arborização no município, ocorre entre os dias 30 e 31 deste mês o I Workshop do Projeto Floresta Urbana.

Durante a abertura da programação realizada no auditório do Centro Municipal de Informação e Educação Ambiental (Ciam), a secretária de Meio Ambiente, Vânia Portela, destacou que a parceria surgiu a partir das primeiras pesquisas desenvolvidas por acadêmicos do curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa).

Workshop do Projeto Floresta Urbana realizado nesta quarta-feira (30)"A iniciativa foi abraçada pelo município, tendo em vista a grande necessidade de uma cidade com melhor qualidade ambiental. Ao longo das intervenções, fomos firmando as parcerias e hoje temos essa proposta de discussão para o Plano Municipal de Arborização", disse Vânia Portela.

O prefeito Nélio Aguiar reforçou que a causa ambiental deve ser abraçada por todos, tendo em vista a grande carência de espaços verdes na área urbana de Santarém.

Leia mais:

Prefeito Nélio Aguiar e outras autoridades estiverem presente"Temos que ter uma ação mais forte nos espaços públicos como praças e ruas. A gente anda em vias como a Avenida Fernando Guilhon, Avenida Dom Frederico Costa e Avenida Moaçara e não vemos quase árvores. Então, a ideia é traçar um rumo e de forma planejada, obedecendo a legislação, ter metas e garantir o envolvimento de todas as entidades", ressaltou Nélio.

Ao longo da programação será apresentada a minuta da proposta do Projeto de Lei do Plano Municipal de Arborização de Santarém. A normativa vem regulamentar o plantio de espécies de forma ordenada, apontando-se as espécies próprias para ao ambiente da cidade e evitando prejuízos futuros como a não danificação de calçadas.

Programação

30/01/2019 (Quarta-feira)
Local: Ciam

8:00 às 8:30 – Abertura;
8:30 às 9:30 – Apresentação das gênesis do Projeto Floresta Urbana. Apresentação: Prof. Everton C. Almeida;
9:30 às 10:00 – Coffee break;
10:00 às 11:00 – Apresentação dos resultados do inventário da arborização de 10 bairros em Santarém. Apresentação: Flávio Nascimento;
11:00 às 11:30 – Apresentação das atividades de campo do Projeto. Apresentação: Cezarina Carvalho e Camila Silveira;
12:00 às 14:00 – Pausa para o almoço
14:00 às 15:00 – Etapas da criação do Plano de Arborização de Belém e Implantação da Lei 8.909 de 2012 e do Decreto 75.278 de 2013. Apresentação: Ivan Aragão;
15:30 às 17:00 – Mesa redonda sobre a minuta do Plano de Arborização e Projeto de Lei de Arborização Urbana da cidade de Santarém. Apresentação: Suellen Santos;
17:00 – Encerramento.

31/01/2019 (Quinta-feira)
Local: Parque da Cidade

8:30 às 9:15 – Apresentação sobre a importância do Parque da Cidade para a arborização da cidade de Santarém. Apresentação: Flávio Nascimento;
9:15 às 9:45 – Apresentação do Projeto "Baderna". Apresentação: Prof. Raimundo José Ferreira;
9:45 às 11:30 – Visita ao Parque da Cidade, ao Viveiro e ao modelo pensado para plantio em via pública;
11:30 às 12:00 – Considerações finais

Visitas da 2ª etapa da elaboração do Plano Municipal de ArborizaçãoProjeto Floresta Urbana

A ação conta com a parceria da Prefeitura de Santarém, por meio das secretarias de Meio Ambiente (Semma), Agricultura e Pesca (Semap), Infraestrutura (Seminfra) e Educação (Semed), em conjunto com a Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), Instituto de Desenvolvimento Florestal do Estado do Pará (Ideflor-Bio) e Centrais Elétricas do Estado do Pará (Celpa).

Desde 2017 o Projeto Floresta Urbana é desenvolvido no município. Dez bairros que fazem parte da ação passaram pelo levantamento de espécies já existentes no imobiliário urbano. São eles: Salé, Mapirí, Liberdade, Laguinho, Fátima, Aldeia, Centro, Santa Clara, Aparecida e Jardim Santarém.

A iniciativa deve proporcionar uma cidade mais arborizada e podendo contribuir de forma considerável com a qualidade de vida da população.

Júlio César Antunes Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação