Notícias

Atualizado em 24/09/2018 às 14h04

Religiosidade e shows marcam quarta noite da festa do Çairé


A quarta noite da Festa do Çairé, realizada em Alter do Chão, contou com programação religiosa e shows locais. Santarenos e turistas de diversas regiões do Brasil e de outros países se divertiram ao som de músicas regionais e forró.

Veja mais notícias sobre o Çairé 2018

A festa iniciou com um arrastão de carimbó que saiu da Praça Sete de Setembro para a Praça do Çairé. O grupo musical Suraras do Tapajós animou o público presente.

O advogado Adailson Costa aproveitou para se divertir em família. "É muito bom a gente chegar em Alter do Chão e ver que a cultura do Çairé está viva. Aproveitei o domingo para trazer minha mãe, minha filha, meu irmão e meu cunhado, todos nós já dançamos muito carimbó. Os cantores estão de parabéns", disse. (Confira tudo sobre o Çairé 2018).

A programação seguiu com rito religioso, posteriormente Santa Missa celebrada pelo Pe. André Carlos Fernandes. "Um momento para nós comunitários agradecermos pela festa do Çairé, que é uma festa tradicional rica em cultura. Graças a Deus tudo ocorreu dentro do programado. Então, agora é louvar e agradecer " disse a aposentada Maria Luzia Cardoso.

A cantora Jana Figarella e a Banda Arraial da Pavulagem e convidados agitaram a multidão na Praça Sete de Setembro.

"Estou aqui em Alter do Chão desde o primeiro dia da festa. Estamos com todo gás, tem sido assim todas as noites, muita animação do começo ao fim da festa. Sou do Rio de Janeiro e estou maravilhada com tudo que estou vendo no Çairé. Realmente é uma cultura linda", disse entusiasmada a bancária Laura Marques.

No Lago dos botos as bandas Black Hotel, Quinta Dimensão e Tapajoara comandaram a festa.

O público que compareceu para participar do Çairé 2018 também aqueceu o comércio. A vendedora de comida Daniela Suellen Ferreira disse que o faturamento deste ano foi melhor que os anos anteriores. "Com certeza minhas vendas foram melhores do que o ano passado. Saiu bastante churrasco, vatapá, bolo, salgado, refrigerante e água. Então, avalio de forma positiva. Faturei uma boa grana", contou.

Quem também está feliz com o aumento nas vendas é o artesão, Elias Silva, que vende artesanato há mais de 30 anos na Vila. "As vendas foram ótimas, cem por cento. Vendi vários produtos como bolsas, brincos, cordões, camisas bordadas e outros artesanatos", enfatizou.

A última noite da festa do Çairé 2018 ocorre nesta segunda-feira (24). A partir das 20h tem Chorimbó com Dona Glória, no palco externo da Praça do Çairé. Às 21h, no Lago dos Botos, começa a festa dos Barraqueiros com a Banda Cintura Fina.

Gleicy Lira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação