Notícias

Atualizado em 29/05/2018 às 19h10

Indígenas da etnia Warao recebem atividades de lazer


Mulheres e crianças indígenas da etnia Warao e comunitárias do Cambuquira receberam nesta terça-feira (29), atividades de lazer em comemoração ao mês das mães. Foram ofertados cortes de cabelos, pelos alunos da Profissionaliza e oficinas de artesanato pelas técnicas do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Nova República, equipamento da Prefeitura de Santarém.

A aluna da Profissionaliza Andreia Rocha disse que acompanha as notícias sobre a situação dos indígenas venezuelanos acolhidos pelo município. "Eu me sinto muito feliz em poder colaborar com esta ação. É muito gratificante estar aqui nesse espaço, além de nos ajudar a ampliar nosso desempenho profissional".

A comunitária Dora Castro aproveitou para fazer um corte de cabelo especial e se sentir muito mais bonita. "Estar com elas aqui na Casa de Acolhimento e compartilhar dessa ação é também uma forma de interação entre nós e eles. Desejamos que mais momentos como esses aconteçam".

A indígena Yurbi Del Valle aprovou a técnica ensinada e parabenizou a iniciativa e as atividades ofertadas. A coordenadora da Casa de Acolhimento para Adultos e Famílias (Caaf), Juliana Fialho, sentiu-se feliz com a aceitação das indígenas em receber um corte de cabelo e também na participação delas na oficina de artesanato. "Nosso objetivo é integrar a comunidade com os nossos acolhidos. Agradecemos a equipe da Profissionaliza e também os colaboradores do Cras Nova República que vieram contribuir com a ação".

A casa de Acolhimento para Adultos e Famílias (Caaf) atualmente está acolhe 105 indígenas.

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação