Notícias

Atualizado em 21/05/2018 às 22h15

Em Santarém, Semana Nacional de Museus encerrou com sucesso de público e entrega de certificados


Foram seis dias de intensas atividades, oficinas, palestras, exposições, visitas guiadas e atividades artísticas culturais e educativas. O público estimado de participantes foi aproximadamente 2 mil pessoas. Assim foi a 16ª Semana Nacional de Museus, realizada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) com apoio da Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Semc). O encerramento foi marcado pela entrega de certificados e Show Musical do Grupo Regional Mocorongo, nas dependências do Centro Cultural João Fona, neste último sábado (19).

O titular da pasta da cultura no município, Luis Alberto Figueira, explicou que a edição de Santarém foi alinhada ao tema nacional do evento "Museus Hiperconectados: novas abordagens, novos públicos".
"Pela segunda vez, na cidade de Santarém, inscrita nesse evento nacional grandioso, nossa equipe executou com louvor as diretrizes da temática relacionada à conectividade. As atividades foram gratuitas", destacou o secretário.

O tema nacional afirmou que por mais que a era digital seja um caminho sem volta, é relevante ressaltar que nem todo fazer museal deve assentar apenas em uma estratégia desse nível. Segundo dados recentes do Ibram, 54% dos domicílios têm acesso à internet no Brasil. Ou seja, 46% da população ainda não estão incluídos, mesmo com o crescente número de conexões via smartphones e tabletes. É preciso ainda se dedicar aqueles "fios" (indivíduos) que estão off-line, especialmente em áreas periféricas, rurais e regiões de difícil acesso.

Diante dessa reflexão de novos públicos quanto à conectividade da internet, o evento ofertou ao público palestras nas abordagens de História e Geografia com o professor Antônio Viana. A abordagem Fotografia teve o professor Thiago Silveira. Já a abordagem Imprensa/Assessoria de Comunicação Pública Municipal teve a palestrante, especialista em Jornalismo Científico, a jornalista Alciane Ayres. O tema Música teve como palestrante a cantora e compositora Maria Lídia Mendonça. A abordagem Mídias Digitais ficou com o especialista em Mídias Digitais, Daniel Nuredo. Os três últimos palestrantes são servidores públicos municipais da Prefeitura de Santarém.

O Centro Cultural João Fona (CCJF) é o cartão de visita e a porta da entrada de quem queira conhecer a história de Santarém. "E já vivenciamos a inclusão digital e estamos trabalhando por melhorias dentro da temática reflexiva desta edição do Ibram, quanto a conectividade digital. E ainda sem deixar de informar os não favorecidos do digital, ainda existentes em nosso município. As ações realizadas neste prédio público são divulgadas nos meios midiáticos, sempre com o empenho da assessoria de comunicação institucional. Seja no institucional público municipal ou por mediação junto as empresas de comunicação e demais fomentadores da comunicação. Temos a disponibilidade do wifi liberado ao público", explicou o Figueira.

A artesã Nete Sousa agradeceu inclusão da oficina de cerâmica na 16ª Semana Nacional de Museus. "A nossa cultura é grandiosa. Eu aproveitei o máximo a oficina de cerâmica. Eu já aprendi a fazer os vasos com desenhos dos grafismo Tapajônico. E recebo com grande satisfação a certificação desse aprendizado que vai somar à valorização do meu trabalho de artesã", disse Nete ao receber o certificado de participante da oficina de cerâmica.

O Prefeito Nélio Aguiar parabenizou o empenho dos servidores da pasta da Cultura no município. "Primeiramente por dar sequência à participação de Santarém a esse evento nacional. E parabenizo o secretário municipal de cultura, Luis Alberto Figueira e toda a equipe da pasta da Cultura pelo exercício e comprometimento ao trabalho. Sempre falo nas reportagens que para realizarmos, atingir e atender a população é o compromisso o elemento fundamental. E quero registrar a minha satisfação como Prefeito de Santarém, o trabalho desenvolvido por essa pasta. A Secretaria Cultura não tem trazido dissabores, problemas, só tem trazido coisas boas à nossa gestão. Tem sido atuante, fomentando a cultura democrática, nas áreas urbana e rural", destacou o gestor.

O Executivo do município destacou ainda a satisfação de atender no gabinete protocolar do Centro Cultural João Fona. "Eu gosto sempre de receber as pessoas aqui neste prédio, no gabinete protocolar. E notório o deslumbramento das pessoas, os visitantes de outros lugares, além da audiência, acabam realizando a visita nas salas do prédio e ficam maravilhados com o acervo e a edificação. Desde histórias milenares, à cerâmica Tapajônica a mais recente da região e o fóssil da Baleia Minke", detalhou.

Alciane Ayres Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação