Notícias

Atualizado em 24/04/2018 às 12h23

67 peixes ornamentais são resgatados pela Semma, Ibama e PM

"Animais foram encaminhados à Universidade Federal do Oeste do Pará, onde devem passar por avaliação para identificação das espécies e soltura"


Em operação realizada na tarde de segunda-feira (23), após denúncia anônima, 67 peixes ornamentais foram resgatados. A ação contou com a participação da Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), em parceria com o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) e a Polícia Militar (PM).

Os animais foram encontrados em sacos plásticos colocados em caixas de papelão com um homem que seguia viagem para Manaus (AM), numa embarcação que estava ancorada no porto da Companhia Docas do Pará (CDP).

Segundo o chefe de fiscalização da Semma, Arlem Lemos, o acusado foi encaminhado à 16º Seccional de Polícia Civil do Baixo Amazonas, onde prestou depoimento e recebeu a multa de 6 Mil e 500 reais.

"A Lei de Crimes Ambientais nº 9.605/98 prevê que matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, cuja pena estabelece multa mínima a partir de R$ 5 mil por unidade".

Dos animais resgatados, 14 estavam mortos, os demais 53 foram encaminhados à Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), onde devem passar por avaliação para identificação das espécies e soltura.

Leia também

As denúncias de crimes ambientais podem ser feitas diretamente à Semma, situada na Av. Silva Jardim, nº 370, bairro Aldeia. Ou ligar para: (93) 3522 5452, em horário comercial. Ou a qualquer órgão de segurança ambiental como o Ibama e a PM. A identidade do cidadão será mantida em absoluto sigilo.

Júlio C. Guimarães Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação