Notícias

Atualizado em 23/04/2018 às 14h33

Prefeitura de Santarém realizará atividades no Ano de Valorização da Pessoa Idosa


O Congresso Nacional juntamente com o Conselho Nacional de Direitos do Idoso (CNDI) declararam no início do mês de abril, que 2018 é o Ano Nacional de Valorização e Promoção dos Direitos Humanos das Pessoas Idosas. A atitude ocorreu em celebração aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, aos 30 anos da Constituição Cidadã e 15 anos do Estatuto do Idoso. Em alusão as comemorações, a Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) realizará várias atividades no município.

Entre as ações está a Campanha de Divulgação dos Direitos da Pessoa Idosa que será lançada no dia 19 de junho em uma Sessão Especial na Câmara de Vereadores de Santarém.

Durante o ano haverá círculos de palestras nos órgãos, nas escolas e faculdades. "Essas comemorações são uma forma de valorizar nossos idosos que necessitam tanto desse olhar mais atento e de políticas públicas que possam favorecê-los, haja vista que todos já cumpriram seu papel com a sociedade, já trabalharam muitos anos, criaram seus filhos, cuidaram de suas famílias e merecem um pouco mais de cuidado e apoio", ressaltou a secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social, Celsa Brito.

Atividades realizadas com idosos

A Prefeitura por meio dos oito Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e do Centro de Convivência do Idoso (CCI), conta com uma média de 700 pessoas idosas participando semanalmente de atividades que visam fortalecer os vínculos familiares e comunitários, através de momentos de lazer e valorização da pessoa idosa.

Nos Centros são ofertadas diversas oficinas que contribuem com a geração de renda, passeios, palestras, dinâmicas, orientações, rodas de conversas, atividades de arte e cultura de esporte e lazer, canto coral, aula de zumba, educação física, jogos recreativos, aula de artesanato e aula de reciclagem.

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) oferta o serviço de Proteção e Atendimento Especializado às Famílias e Indivíduos (Paefi), o qual direciona os atendimentos ao enfrentamento de violações vivenciadas por idosos e suas famílias, e acompanha as medidas socioeducativas em meio aberto (Liberdade Assistida – LA e Prestação de Serviço à Comunidade – PSC). Atualmente o Creas acompanha 132 idosos que tiveram seus direitos violados.

Através de convênio, a Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) é parceira em várias ações desenvolvidas no Asilo São Vicente de Paula. A Semtras sempre leva dança e outras atividades que promovem interação e troca de experiências entre os idosos dos Cras e os acolhidos. "A Prefeitura sempre foi uma forte parceira com nossas demandas. Nos atende quando estamos precisando de alguma coisa pros nossos idosos, além do convênio que nos ajuda bastante. Por meio dos Cras, CCI está sempre aqui animando nossos acolhidos. Atualmente estamos com 30 idosos e isso não seria possível se não pudéssemos contar com importantes parcerias", ressaltou a assistente social, Virgínia Lúcia dos Santos.

O município conta também com o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, criado em 12 de dezembro de 2005, pela lei nº 17.949 / 2005. O Conselho realizará neste ano várias atividades em alusão as datas comemorativas, e também devido ao aumento do índice de violência contra os idosos.

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação