Notícias

Atualizado em 29/03/2018 às 10h43

1ª Ação Conjunta de Rios de 2018 registra mais de 690 atendimentos


697 atendimentos foram registrados na primeira Ação Conjunta de Rios de 2018. Durante três dias as 19 comunidades: Jauarituba, Jaca, Enseada do Amorin, Paruá, Pajurá, Paricatuba, Solimões, Limão Tuba, Cabeceira do Amorin, Jatequara, Boim, Nova Vista, Surucuá, Amorin, Maripá, Aldeia São Caetano Capixuã, Santi e Anumã, da região do Rio Tapajós, receberam profissionais dos equipamentos da Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras).

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) Municipal, Centro de Referência Especializado de Assistência Social Maria do Pará, Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Ribeirinho, Centro de Assistência (Cas/Caec), Conselho Tutelar, Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT), Ronda Escola e Associação Tapajoara prestaram atendimentos como Cadastro e recadastro de Bolsa Família, Cadastro Único (Cad'Único), Benefício de Prestação Continuada (BPC), Passe livre para idosos e deficientes, cartão SUS, Assessoria Jurídica, Atendimento Psicossocial, palestras preventivas, acompanhamentos, visitas e averiguação de denuncias enviadas ao Conselho Tutelar.

A equipe além de levar atendimentos fundamentais para os ribeirinhos, recebeu vários casos de violação de direitos de crianças e adolescentes, mulheres e idosos, bem como conflito familiar foram registrados e feitos devidos o acompanhamento pelos serviços da Assistência Social.

A próxima região a receber a Ação Conjunta de Rios será Cachoeira do Maró e Aruã prevista para o final de Abril.

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação