Notícias

Atualizado em 23/02/2018 às 15h23

Representantes de Cooperativas aprovam iniciativa da Prefeitura em capacitar produtores



A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras), através do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), e com parceria do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), reuniu na manhã desta sexta-feira (23), com representantes de 4 Cooperativas de Produção Familiar de Santarém para divulgar o Programa de Capacitação do (PAA), com o objetivo de preparar melhor o processo de produção alimentar de nossa cidade e região, oportunizando às famílias produtoras oficinas de treinamentos voltados para o processo do plantio e comercialização de alimentos adquiridos pelo fortalecimento da agricultura familiar, abordando temas como o Plantio, a Colheita adequada, o empacotamento, acondicionamento, logística, comercialização em potencial e outros, garantindo com isso, mais qualidade dos alimentos distribuídos pelo programa PAA às famílias em eminente risco de insegurança alimentar.

Participaram da reunião, representantes do Senar, do planejamento da Semtras, a coordenação do PAA, representantes do vereador Henderson Pinto, representantes da Cooperativa da Produção Familiar de Santarém (Coopafs), Cooperativa de Produtores Rurais de Santarém/Mojuí dos Campos e Belterra (Coopromubel), Cooperativa de Produtores da Agricultura Familiar de Boa Esperança (Coop Boa), Cooperativa de Produtores Rurais de Santarém (Cooprusan) que aprovaram a iniciativa de capacitação aos produtores.


"O PAA não tem apenas a missão de comprar alimentos e fazer a distribuição deles ele tem o conceito de SAN - Segurança Alimentar e Nutricional, o interesse de gerar alimentos de qualidade, pois quando temos na primeira ponta os produtores que fazem todo o processo de plantio e colheita é importante que a equipe do PAA venha se preocupar com todo esse processo, o processo de produção onde através desse programa de capacitação criando oportunidades de conhecimentos teóricos e práticos sobre o plantio, a colheita, o acondicionamento, o processo correto de fazer a logística, a embalagem, o processo de transporte, cuidando com que esse alimento venha ter mais qualidade e no processo da distribuição do alimento para que as pessoas que forem receber esses alimentos elas percebam que a qualidade do alimento é tão importante e ela parte do plantio, então esse programa vem oportunizar aos produtores pra que eles possam ter esse conhecimento e a preocupação junto com a gente de gerar alimento de qualidade e As cooperativas são os eixos principais para poder chegar a esse público", declarou Fagner Gonçalves – coordenador do PAA.


O Assessor Técnico do Senar, José Rufino Pinto esclareceu que "o Senar é o "S" da área Rural que faz a capacitação a produtores Rurais que são responsáveis pela produção desses alimentos para o PAA e outros programas", ele destacou a importância da participação dos produtores Rurais em capacitações como essa que será viabilizada.

"De muita importância essa profissionalização de nossos produtores, muita produção nossa é deficiente por falta de conhecimento técnico, por falta de adequação de transporte, de manejo de melhor qualidade para o produto chegar ao seu destino final, essa iniciativa da Prefeitura, da Semtras, do Senar é muito boa, pois se preocupa com quem vai receber esse produto e o que o produtor não tenha prejuízo, pois se o produto for de qualidade todo mundo fica satisfeito" avaliou Cidinei Nunes Presidente da Cooprusan que têm cadastrados 78 cooperados.


Para Manoel Afonso Reis, Vice-Presidente da Cooperativa da Produção da Agricultura Familiar de Santarém (Coopafs) que conta com 100 cooperados, "o processo de capacitação ou de educação é sempre bem vindo, o agricultor precisa se adequar as novas exigências que visa proteger o consumidor e por isso o agricultor precisa se adequar, é bem vinda a iniciativa e com certeza vai surtir grande efeito no processo produtivo e também na questão da higiene e da forma adequada de embalagem.


A capacitação sobre Higiene, Conservação e Armazenamento de alimentos será realizada em duas semanas, com turmas de 20 produtores cada, pela manhã e pela tarde, totalizando 40 horas com data de início ainda a ser definida.

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação