Notícias

Atualizado em 10/02/2018 às 16h39

Prefeitura apoia iniciativa para fomento da produção láctea no município


Aumentar a oferta de produtos lácteos no mercado local e sobretudo na merenda escolar, esse é o foco da iniciativa de um grupo de produtores de leite, apoiados pelo Sindicato Rural, Associação Comercial e Empresarial de Santarém e também pela Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Semap).

Esse processo de inserção do leite produzido nas fazendas do município, terá como base a criação de uma cooperativa leiteira. A ideia, é que a partir da consolidação da mesma os cooperados e outros pequenos produtores que possuam gado leiteiro possam entregar o produto para ser beneficiado no laticínio localizado no planalto da BR 163.

Neste sábado, o secretário municipal de Agricultura e Pesca, Bruno Costa, visitou o empreendimento que já atua no beneficiamento do leite in natura para escala comercial. Na ocasião ele acompanhou o processo de ordenha, produção e embalagem dos subprodutos lácteos. O laticínio possui estrutura completa inclusive identificação do Serviço de Inspeção Municipal.

"A contrapartida do município será a inserção do leite e dos seus derivados produzidos na região dentro do Programa Nacional de Alimentação Escolar e Programa de Aquisição de Alimentos. A Semap irá acompanhar a criação da cooperativa e monitorará a comercialização no mercado local, sobretudo no que tange a sanidade do produto ofertado através do Serviço de Inspeção Municipal de Produtos de Origem Animal", explicou Bruno Costa.

A expectativa é que dentro de 60 dias a cooperativa esteja em funcionamento. A partir daí será estabelecido de que forma o produto produzido no laticínio será absorvido nas ações do município.

De acordo com Adriano Maraschin, presidente do Sindicato Rural de Santarém, a consolidação dessa parceria entre as entidades, pecuaristas e a prefeitura será fundamental para a consolidação da cadeia leiteira no município.

"O produtor rural seja ele familiar ou grande enfrenta muita dificuldade para vender o seu produto no mercado hoje. Temos produção de leite nas fazendas, mas não havia onde entregar o leite para esse beneficiamento em larga escala. Com essa parceria nova estamos muito animados pela possibilidade desses produtos serem inseridos na merenda escolar" finalizou Maraschin.

Danielle Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação