Notícias

Atualizado em 12/11/2017 às 11h54

Dia 'D' da campanha de vacinação antirrábica imuniza 29,5 mil animais em Santarém

A- A+ Tamanho da Letra
Jéssica Santos
jessica.oliveira.stm@gmail.com
Da Redação - Agência Santarém

O Dia "D" da campanha de vacinação antirrábica 2017, realizado pela Prefeitura de Santarém sábado (11), imunizou 29.539 animais, sendo 21.562 cães (49% da meta nacional) e 7.977 gatos.

De 8h às 17h, a procura nos postos de vacinação por parte dos donos de caninos e felinos foi intensa. Na ocasião, cães e gatos a partir de três meses de idade, inclusive as fêmeas que estão amamentando, prenhes ou cio, foram vacinados.

Com o slogan "Não deixe o seu melhor amigo morrer de raiva", a Prefeitura de Santarém, por meio da Divisão de Vigilância em Saúde (Divisa)/Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), setor ligado à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), disponibilizou 109 postos de vacinação na zona urbana que contou com uma equipe de  veterinários e voluntários para garantir a vacinação e proteção dos animais.

A intenção foi criar barreira epidemiológica que impeça a circulação do vírus, eliminar a raiva humana, controlar a doença, mas sobretudo manter o município livre da circulação do vírus, pois  há mais de 20 anos Santarém não registra casos da doença.

A médica veterinária do CCZ, Alessandra Costa, ressaltou a importância de vacinar cães e gatos. "A importância da vacinação é para que não haja a circulação do vírus rábico na área urbana, região de rios e planalto. A parceria com os donos de cães e gatos é necessária para que possamos fazer um trabalho eficiente e seguro. Então que a população se faça presente, a partir de agora no CCZ para imunizar seus animais", reforçou  a médica.

Saiba mais:

O coordenador da Divisa, João Aberto Coelho, destacou a expectativa para a campanha de vacinação antirrábica. "A expectativa está sendo a melhor possível, e é uma necessidade que essa expectativa se concretize pelo fato de que Santarém precisa manter o estado livre de circulação do vírus rábico. É o momento da população contribuir com a gente levando seus animais para vacinar", conclui.

Joaquim Leal, dono de dois gatos e um cachorro, não perdeu a oportunidade e levou os animais para vacinar logo cedo. "Como diz o ditado: prevenir é melhor que remediar. Minha família e eu sabemos que a vacina é para proteger os animais domésticos mas principalmente a saúde de toda família", ressaltou.

As regiões de rios e planalto devem receber um dia "D" em data a ser programada pela coordenação.

Os donos de cães e gatos que não conseguiram levar os animais para vacinar  neste sábado (11) devem  procurar o CCZ, localizado na Avenida Moaçara, bairro Floresta, no horário de 8h às 18h, de segunda à sexta, até o dia 30 de dezembro, portando a carteirinha do animal. Caso não tenha a carteira, esta poderá  ser emetida na hora.

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação