Notícias

Atualizado em 21/03/2020 às 16h08

Servidores da Assistência Social são capacitados para inclusão social

Inclusão social é um dos compromissos da Prefeitura de Santarém, por isso os servidores dos equipamentos da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) que atendem a um público especial, à exemplo de deficientes auditivos, estão passando por uma capacitação do projeto Amigos das Libras.

Servidores do Cras São José Operário também foram capacitados A capacitação iniciou no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) São José Operário e se estendeu para os demais 7 centros,  voltada aos servidores dos Cras e também do Programa Acessuas Trabalho, Criança Feliz e Centro de Convivência do Idoso (CCI), nesse primeiro momento, os demais servidores de toda a assistência social irão receber a capacitação.

Segundo a idealizadora do projeto e também servidora do Cras Santana, Edinelma dos Santos Pereira, a capacitação possibilitou aos servidores informações sobre Libras, alfabeto manual, números, cumprimentos e expressões e vocabulário específico da assistência.

“O surdo precisa de um bom atendimento. A ideia é capacitar a todos que venham fazer o acolhimento à eles. Para que a inclusão social realmente aconteça, é importante saber dar um bom dia, o que você deseja para que eles se sintam inclusos”.

Edinelma contou que a ideia do projeto foi socializada ao seu grupo de amigos composto por 15 pessoas e levado a Secretária de Assistência Social Celsa Brito que recebeu e apoiou a disseminação do mesmo nos atendimentos da secretaria.

“É importante que todos os nossos servidores que ficam na linha de frente recebendo nossos usuários possam atender as pessoas surdas utilizando a sua língua brasileira de sinais. Apoiamos e agradecemos a aplicação do projeto em nossa secretaria. Temos a responsabilidade da inclusão social”, avaliou Celsa Brito.

A secretária também agradeceu aos servidores que participaram da capacitação de forma incansável e que se comprometeram em cada vez mais buscar o aprimoramento da língua.

O servidor público de 70 anos, Rozinaldo Maia Rebelo dos Santos, que trabalha no setor administrativo do Cras Ribeirinho falou como foi ser capacitado para a inclusão social. “É uma novidade, a língua não é fácil, mas é muito importante saber. Vou ler e vou estudar”.

É muito importante estarmos preparados para receber e incluir o surdo no nosso trabalho social. Minha gratidão pela oportunidade”, destacou a coordenadora do CCI, Livia Paternostro.

A Língua Brasileira de Sinais tem ganhado cada vez mais espaço em todos os ambientes, facilitando o acesso de deficientes auditivos à informação e melhorando o seu convívio social. A LIBRAS pode ser aprendida por todos os públicos na garantia de que a inclusão em todos os ambientes seja completa. À primeira vista pode parecer complicada, mas com treino e dedicação, o aprendizado pode vir mais rápido que o esperado. O curso de LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) Completo ensina esta linguagem, além de incluir conhecimentos sobre a história da deficiência auditiva e a importância de um sistema inclusivo.

Acompanhe as ações da Prefeitura de Santarém nas redes sociais:
Facebook: https://pt-br.facebook.com/prefeituradesantarem/
Instagram: @prefeituradesantarem
Youtube: Canal da Prefeitura de Santarém

Geisa de Oliveira Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação